A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 27 de Maio de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


12/06/2015 09:22

Dourados cria o espetáculo, São Paulo leva a fama

Reinaldo Rosa

PÍLULA DOURADA - Dourados é uma das poucas cidades do Brasil - fora do eixo Rio-São Paulo - que tem uma Rede Nacional de TV aberta. A RIT-Rede Internacional de TV- criada através de aquisição da TV Caiuás (de propriedade do ex-prefeito José Elias) transformou-se em projeto do pastor Romildo Rosa Soares para expansão de sua Igreja da Graça para toda América.

HADDAD AGRADECE - A vertiginosa expansão da RIT TV transferiu o principal complexo de produção para São Paulo, onde a maioria dos shows é produzida. Por razões desconhecidas não se sabe se os impostos gerados pelo faturamento da sede de Dourados ficam na cidade ou se, também, são transferidos para a capital paulista.

CREDO EM CRUZ - O sinal da programação diária sai de Sampa para a terra do ‘seu’ Marcelino e, só então, retransmitido para todo o Brasil, seguindo exigências da lei de concessões. Oficialmente como sede da RIT, Dourados é pouca (ou quase nada) contemplada com o sucesso econômico financeiro da emissora de R. R. Soares. Simples assim.

SHOW DE GRAÇA - Os principais programas jornalísticos da emissora, como o Jornal Toda Hora, Fatos em Foco, bem como o RIT Notícias, são transmitidos a partir da sede principal em São Paulo. Jornalistas locais têm fraca participação em pequenos espaços informativos regionais.

NADA PARA MS - A RIT TV, como parte da mídia da Igreja Internacional da Graça de Deus, se tornou em um grandeconglomerado de mídia evangélica brasileira. Suas empresas associadas são: Graça Filmes (empresa de Produções), a RIT Internacional (difusão internacional), o RIT Notícias, a Nossa Rádio (rede de emissoras de rádio), a RIT Dourados (emissora precursora), a TV Sul Bahia, RIT São Luís, RIT Estados Unidos e RIT África.

AMOR ESTARÁ NO AR – Amanhã, no Diamond Hall, Fábio Jr apresenta seu show ‘Noite dos Namorados’. A realização de Cegonha, Jamelão, Ninho e Pedro Silva Promoções já é considerada uma das principais promoções do ano.

EU VOU EU VOU – Contagem regressiva. Até quando vai durar aquela ‘entrada triunfal’ dos apresentadores nos noticiosos da TV Morena?

VC NA COLUNA – “O assunto (A triste ‘a praça é nossa de MS) é complexo . Só para você ter ideia, os valores do piso salarial da época quando o glorioso Sindicato dos Jornalistas foi criado, proporcionalmente, são os mesmos praticados atualmente. Diferença é que ao longo desse tempo os cursos de jornalismo lançaram no mercado centenas de novos formados. Em qualquer circunstância, a luta pela sobrevivência nem sempre oferece bons exemplos de comportamento. Forte abraço parabéns pela coluna, com certeza, referência obrigatória quando algum atrevido escrever a história do jornalismo e dos jornalistas de MS”. Roberto Chamorro, ex-presidente do Sindicato de Jornalistas de MS

BOM GOSTO – Domingo é dia de boa música no ar. Ciro de Oliveira apresenta parte de sua coletânea particular de sucessos de todos os tempos. Vale a pena conferir no dia da Rádio Para Todos.

Rádio esbanja potência, mas com público restrito
O ELO – No Brasil todo está disseminada a prática de terceirização de espaços na comunicação falada. Cronistas do rádio esportivo ficam à mercê do bo...
O bagunçado e voraz mercado local das rádios
SENHORES PASSAGEIROS – Nivaldo Mota, João Flores, Miltinho Viana e Marcelo Nunes têm algo em comum. Foram revelados para o rádio de MS originários do...
Sem novas ideias, rádio de MS definha
SINTONIA GROSSA – Tratado como penduricalho de informações oficiais, o rádio de Mato Grosso do Sul definha por não renovar estratégias comerciais de ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions