ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 21º

De olho na TV

Fim de festa olímpica e início da briga por voto no ar

Por Reinaldo Rosa | 22/08/2016 17:12

RÁDIO PRA QUE TE QUERO – O sistema de projetos da Câmara de Campo Grande informa que o radialista Cazuza apresentou seis projetos de lei durante o primeiro semestre de 2016. Entre eles: outorga o título de cidadão campo-grandense; uma concessão da Medalha de Mérito Legislativo; um título de cidadão campo-grandense e outro que declara utilidade pública municipal uma associação com sede na Capital.

O CARA DO DIAL – Derly Reis de Oliveira, o Cazuza, começou a carreira como locutor e comentarista de rádio e televisão. Logo depois, partiu para carreira política. Em sua declaração, referente a 2016: duas fazendas, na Cabeceira do Pontal e Morro Vermelho, localizadas no município de Camapuã. Muito pelo pouco que produziu.

PARA CONSTARCandidatos se aventuram a fazer do rádio porta dos fundos para terem acesso ao mundo maravilhoso do Legislativo da Capital. Estúdios de rádio com programação meia boca não rendem; duas sessões por semana; fazendas; gado são partes do sonho.

DAY AFTER – Fim da ‘Rio 2016’. Programação da TV Morena volta ao trivial. Parte local do ‘Globo Esporte’ volta a dar trabalho aos editores. Sem futebol de expressão fica difícil ‘segurar’ atenção de espectadores.

MASTER – A terceira temporada do MasterChef Brasil termina nesta terça-feira, dia 23, com o anúncio ao vivo de quem venceu o programa culinário da Band. Na reta final, Bruna Chaves e Leonardo Young disputam a preferência dos jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin. No Uol.

FAMOSO QUEM – Nesta sexta-feira. Audiência da TV Morena em alta por conta do penúltimo capítulo de ‘Êta mundo bom’. Em seguida aparece um ilustre desconhecido dizendo "sou vereador Agnaldo, o Miudinho, candidato a reeleição", de Ponta Porã. Até o eleitor douradense descobrir que os candidatos locais só aparecem na RIT, já terá passado a eleição.

VC NA COLUNA – “O professor Ênio Ribeiro, do PSOL, terá seus dias de Enéas, a partir desta sexta-feira, quando começa a propaganda eleitoral no rádio e na TV. Tal qual o presidenciável famoso, se não acelerar, mal vai dar para dizer a que veio nos 35 dias de campanha. Se caprichar na entonação, valerá o plágio: "Meu nome é Ênio!". Valfrido Silva