A notícia da terra a um clique de você.
 
14/08/2017 07:11

A verdade sobre o tempo de digestão e outros mitos

Mário Sérgio Lorenzetto
A verdade sobre o tempo de digestão e outros mitos

É chegada a hora de destampar a verdade sobre o plano maquiavélico dos pais que desejavam ter uma "siesta" tranquila, sem ter que te vigiar para saber se estava afogando. Também é hora de desmontar a teoria daquele "licorzinho" pós-almoço que teu sogro te obrigou a beber por tantos anos, bem como a historinha de que os sorvetes e a siesta são digestivos eficientes. Vejam os mitos sobre a digestão.

A verdade sobre o tempo de digestão e outros mitos

O tempo de digestão após o almoço

Paradigma maior, o choque termodiferencial, que vulgarmente é conhecido como tempo de digestão após o almoço, é um desses temas que nas famílias, mais debates inter-geracionais desperta. A frase materna ainda soa nos ouvidos de muitas pessoas: "Não tome banho até depois de duas horas, porque eu estou dizendo e sou tua mãe. E ponto". Parece mentira, mas ainda há muitas crianças que ouvem essa frase que vem sendo repetida geração após geração. O tempo de digestão após o almoço também é uma questão internacional, não há limites de fronteiras. Implica a mães, pais, avós, cunhadas e as vítimas desse desafortunado mito: as crianças.

É verdade que é possível sofrer uma síncope quando se produz uma mudança brusca na temperatura corporal, por exemplo quando passamos de uma temperatura elevada a outro muito frio. Nessas circunstâncias você pode sofrer uma inibição da função respiratória e circulatória por reflexo, o que pode comprometer tua vida

Para que isso não ocorra basta tomar uma precaução muito simples: não entrar em água que esteja abaixo de 18 graus bruscamente. A palavra "bruscamente" é que importa. Primeiro recorde-se que não somos focas, não estamos adaptados a tomar banho em água gelada, não temos um tecido adiposo tão espesso que funcione como o neopreno e nos isole de um brusco choque térmico. Mas a providencia a ser tomada para que não ocorra o choque é de extrema simplicidade: basta molhar as munhecas, o pescoço e a cabeça. Não custa nada e não leva nem um minuto.

A verdade sobre o tempo de digestão e outros mitos

"Tome um licorzinho, é um bom digestivo"

Más notícias. Essa historieta vendida pelo teu sogro ou pelos garçons de que os licores são digestivos é tão verdadeira quanto a de que meu passe será comprado pelo Barcelona para suprir a falta do Neymar. Pelo contrário, longe de ajudar a fazer a digestão, irritará tua mucosa gástrica, aportará calorias vazias desnecessárias e talvez venha aumentar tua vontade de tomar outra bebida alcoólica.

A verdade sobre o tempo de digestão e outros mitos

A siesta é importante para a digestão

O costume de dormir após o almoço está culturalmente associado a nossa idiossincrasia. Ainda que venha perdendo terreno nas novas gerações, a siesta não é algo negativo e nem positivo quando consideramos apenas a digestão. Cochilar por 15 ou 20 minutos após o almoço é um bom repouso para enfrentar o resto do dia com maior disposição, mas, obrigatoriamente, deve ser breve. Não há nada que o indique ou que possa ser contra-indicado. Apenas um breve tempo de descanso e nada mais.

A verdade sobre o tempo de digestão e outros mitos

Os sorvetes não são digestivos.

Os sorvetes, habitualmente carregados de açúcar ou gordura - ou de ambos ao mesmo tempo - definitivamente não ajudam a fazer a digestão. O mito parece derivar dos pós-operatórios de cirurgia estomacal ou intestinal que apresentam protocolos que recomendam sorvetes. A razão nesse caso é que os sorvetes são alimentos suaves que não irritam a mucosa gástrica ou o epitélio intestinal de quem foi operado recentemente. O frio ajuda a conter uma possível inflamação. Mas para quem gosta de doces após o almoço, tomar sorvete é apenas uma desculpa para comer o açúcar que eles contêm.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.