ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEXTA  28    CAMPO GRANDE 29º

Direto das Ruas

Abelhas continuam em poste após ataque e preocupam moradores

O ataque aconteceu na manhã desta sexta-feira e vítima precisou ser encaminhada para a Santa Casa

Por Geniffer Rafaela | 26/11/2021 22:51
Abelhas migraram para a parte superior do poste após ataque a motociclista. (Foto: Direto das Ruas)
Abelhas migraram para a parte superior do poste após ataque a motociclista. (Foto: Direto das Ruas)

Poste de energia localizado no encontro da Avenida Marinha com a Rua da Península, no Bairro Coophavilla II, ainda gera "dor de cabeça" em moradores da região. Desde que atacaram um motociclista na manhã desta sexta-feira, os insetos continuam na parte superior do poste. Após ataque a vítima precisou ser levada para Santa Casa.

Preocupada, Rosimeire Soles, de 48 anos, conta que mora em frente ao poste e que os insetos estão no local há pelo menos dois anos. "Toda semana uma ou duas pessoas são picadas por aqui, mas igual ao que aconteceu com o rapaz hoje foi a primeira vez", contou. A moradora admite que até já havia se acostumado com a situação, porém, se surpreendeu com a proporção do ataque que houve pela manhã.

Equipe dos Bombeiros que prestou socorro no momento do ataque jogou espuma no poste para conter as abelhas, mas pouco tempo depois elas retornaram e migraram para parte superior . Por se tratar de um local energizado, quem deve fazer a retirada do enxame é a concessionária responsável pela distribuição de energia.

Moradores contam que entraram em contato com a Energisa pedindo a retirada dos insetos, antes mesmo do ataque, mas não obtiveram retorno. "Ainda não estamos livres do perigo", desabafa Rosimeire, após dizer que novas solicitações foram abertas hoje.

Ao Campo Grande News a Energisa informou que realizou inspeção hoje no local, e que programou a retirada para o período noturno com vestimenta adequada. A concessionária ressalta que esse tipo de procedimento só é realizado à noite, para maior segurança dos moradores.

Direto das Ruas - A informação chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos sejam feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário