A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Setembro de 2017

03/09/2017 09:59

Alérgica, mulher sofre com abelhas em poste de iluminação em frente a residência

Taynara Menezes
Daiana (irmã da Daniela), após a picada de abelha (Foto: Direto das ruas)Daiana (irmã da Daniela), após a picada de abelha (Foto: Direto das ruas)

Na primavera é comum ataques de abelhas, por conta de muito calor, flores, frutos e água em abundância, que atraem enxames nesta época do ano. Daniela Barbi, engenheira civil, relata a dificuldade que esta enfrentando por esses dias. O problema é que no poste de iluminação pública, em frente ao seu apartamento, existe uma colmeia.

"Elas entram por todas as janelas, temos que ficar com o apartamento todo fechado", reclama Daniela. A maior indignação da engenheira é que a irmã foi picada por uma abelha e descobriu que é alérgica aos insetos.

"Retiramos o ferrão, mas não parava de inchar e ficar vermelho, fui ver da onde vinha, estava bem em frente ao apartamento, acionamos os bombeiros e fomos informadas de que é responsabilidade da Energisa", afirma Barbi.

De acordo com Daniela, a concessionária deu o prazo de 30 dias para retirada da colmeia, porém, por orientações médicas, a irmã dela não poderia esperar todo esse tempo. "Não tem nenhuma condição de ficar com a minha irmã fechada aqui dentro, a noite entram de monte e forram o poste" lamenta.

O Campo Grande News entrou em contato com a empresa de energia elétrica Energisa, mas até o fechamento desse texto não obtivemos resposta sobre a previsão da retirada da colmeia.

Direto das Ruas - A sugestão acima foi feita por um leitor. Você pode fazer contato com o Campo Grande News via aplicativo WhatsApp pelo canal Direto das Ruas, um meio de interação entre a redação e o leitor, por onde podem ser enviados flagrantes, sugestões de matérias, notícias, fotos, áudios e vídeos. Seja um colaborador via WhatsApp pelo número (67) 99955-4050.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions