A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

25/01/2016 22:08

Com apenas três caminhões, Prefeitura atrasa remoção de entulhos

Lauro Burke
Entulho no bairro Itanhangá Park (foto Direto das Ruas)Entulho no bairro Itanhangá Park (foto Direto das Ruas)

Durante o fim de semana passado, o Campo Grande News recebeu reclamações de moradores de quatro bairros diferentes com o mesmo problema: acúmulo de entulhos após limpeza de locais públicos. Com apenas três caminhões e uma pá carregadeira, a Prefeitura não tem conseguido concluir o serviço com agilidade.

Na Rua Itupava, no bairro Itanhangá Park, há mais de um mês os galhos de uma árvore podada para evitar o risco de curto-circuito na rede de energia estão obstruindo a passagem. Para Luiz Silva, 43, funcionário público e vizinho dali, morador do bairro, está situação acaba incentivando as pessoas a jogarem lixo no local.

Além de lixo acumulado, no bairro Aero Rancho, na avenida Tirson de Almeida, segundo os moradores, o entulho existente no local, tem recipientes com água parada, onde pode se reproduzir o mosquito que causa a dengue e a zika. O relato também diz que, no local, crianças costumam brincar, o que pode lhes trazer algum problema de saúde.

Se no Aero Rancho há risco de  foco de dengue, na praça Antônio Papi Neto, no bairro Portal do Panamá, no entulho é possível encontrar até um sofá. Segundo o vídeo enviado pelo leitor, que preferiu não se identificar, a limpeza da praça foi feita no dia 22 de dezembro e o entulho não foi retirado. Ele tentou entrar em contato com a Prefeitura, ligando para três números diferentes, sem conseguir ser atendido.

No bairro Jardim Imá, na avenida Ulisses Serra, o entulho é ainda maior, como pode ser visto em fotos enviadas pela leitora Luci S., 52, administradora. Moradora do bairro há mais de dez anos, ela conta que a Prefeitura esteve no local para fazer a limpeza e nunca voltou para recolher os entulhos. Luci reclama que também tentou entrar em contato com os órgãos responsáveis, mas ninguém atende.

A Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação) diz que a demora na remoção dos entulhos decorre da falta de caminhões para fazer o transporte do material.  Atualmente, só três dos caminhões estão em condições de uso (os outros quatro que integram da frota estão em manutenção), enquanto  das três pás carregadeiras, só  uma está em condições de uso. 

Está situação será resolvida, conforme a Secretaria, quando for concluído o processo licitatório para locação de 16 e três pás carregadeiras  para atender toda a cidade. Além disso, o horário de trabalho de limpeza será feita também aos sábados e domingos. Com o retorno das aulas no dia 15 de fevereiro, nas 99 nas escolas e creches municipais de Campo Grande, a prioridade é limpar esses locais para combater a dengue e a zika.

A Seintrha não soube informar quando os entulhos citados na matéria serão retirados, mas garantiu já terem sido incluídos na programação de limpeza. Para reclamar e buscar  e informações,o telefone do Departamento de Limpeza Urbana é o 3314-3627

Direto das Ruas - A sugestão acima, foi enviada à redação do Campo Grande News via WhatsApp, pelo canal Direto das Ruas. Pelo número (67) 9687-7598 ou então pelo e-mail redacao@news.com.br, podem ser enviados flagrantes, sugestões de matérias, notícias, fotos, áudios e vídeos.

 

 

 

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions