ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, TERÇA  27    CAMPO GRANDE 24º

Direto das Ruas

Gato Tapioca é devolvido e mulher que o tirou de casa diz que "se enganou"

Mariana explicou que, sem os vídeos de segurança, não seria possível fazer todo o apelo e recuperar o bicho de estimação

Por Aletheya Alves | 03/04/2019 15:16
Manuela e Valentina com o gato Tapioca, logo após a recepção. (Foto: Direto das Ruas)
Manuela e Valentina com o gato Tapioca, logo após a recepção. (Foto: Direto das Ruas)

Depois de divulgação de vídeo pela mídia do furto do gato 'Tapioca', o bichinho acabou devolvido à família. A médica veterinária Mariana Pinheiro, dona do gato, diz que a boa surpresa aconteceu no horário de almoço, 24 horas depois do sumiço. O retorno colocou fim do sofrimento das donas, as irmãs Manuela e Valentina.

A mãe Mariana explica que a família estava em casa quando a mulher, que havia levado Tapioca, foi até o local e afirmou ter se confundido. “Ela alegou que a neta tinha um gato parecido, por isso, levou o Tapioca. Ela viu que tinha criança sofrendo e trouxe de volta”, relata.

Ainda de acordo com a médica veterinária, a mulher demonstrou que se sentia culpada e que resolveu devolver quando leu matérias na internet. Sobre as mudanças a serem feitas depois do furto, Mariana explicou que telas de proteção serão inseridas em todo o portão.

Câmeras de segurança registraram ontem o momento em que o gato foi levado por uma mulher desconhecida, também durante o horário de almoço da última terça-feira (2). A partir das imagens, a família divulgou a busca pelo gato em redes sociais.

Direto das Ruas - A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal. 

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário