ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  26    CAMPO GRANDE 27º

Direto das Ruas

Idosa cadeirante faz percurso de 5 km por falta de ônibus com acessibilidade

Por falta de ônibus com recurso para cadeirante, dona Deolinda vai até o terminal Aero Rancho sem transporte

Por Ana Beatriz Rodrigues | 13/08/2020 18:40
Ônibus parado no terminal Aero Rancho (Foto: Direto das Ruas)
Ônibus parado no terminal Aero Rancho (Foto: Direto das Ruas)

Por meio do canal Direto das Ruas, a aposentada de 64 anos, Deolinda Ferreira Rodrigues conta que esperou por mais de 20 minutos para usar o transporte coletivo da rota Coophavilla/Terminal Aero Rancho em ponto de ônibus sem cobertura.

Cansada de esperar, a aposentada decidiu fazer a rota de 5 km de cadeira de rodas e o com o neto a pé do seu lado, pois o ônibus que passou era da frota de micro ônibus e não tinha vaga para a idosa  que é cadeirantes.

Deolinda Ferreira de 64 anos indo até o terminal Aero Rancho. (Foto:Direto das Ruas)
Deolinda Ferreira de 64 anos indo até o terminal Aero Rancho. (Foto:Direto das Ruas)

"A pior parte é que no terminal tinha ônibus parado, enquanto nos bairros só está circulando um" relata.

Segundo a aposentada, o mesmo ônibus que ela pegava na esquina da sua casa, hoje tem que andar quase 1 km até o ponto. Na hora de retornar para casa foi o mesmo dilema no terminal, pois o ônibus já tinha um cadeirante e ela teve que esperar 40 minutos para subir no próximo.

A reportagem procurou o consórcio Guaicurus para esclarecimento a respeito das linhas que falta acessibilidade, e até o momento não obteve resposta.

Direto das Ruas - A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563. Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Regras de comentário