ACOMPANHE-NOS    
MAIO, QUARTA  27    CAMPO GRANDE 25º

Direto das Ruas

Preocupado com dengue e escopiões, morador relata descaso com imóvel

Segundo ele, a residência não recebe qualquer tipo de manutenção há cerca de três meses

Por Guilherme Correia | 02/04/2020 09:14
Residência está abandonada há três meses, de acordo com relato (Foto: Direto das ruas)
Residência está abandonada há três meses, de acordo com relato (Foto: Direto das ruas)

Indignação de morador do bairro Coophatrabalho, zona norte de Campo Grande, foi grande nesta manhã (2). Segundo ele, casa abandonada na rua Carobá há mais de três meses, virou ambiente propício para infestação de mosquitos e animais peçonhentos como escorpiões.

"Qualquer um pode pegar dengue, e direto a gente mata escorpião que aparece na nossa casa", reclama o morador, que não quis ser identificado. De acordo com ele, os proprietários faleceram, e os atuais donos não realizam a manutenção correta do terreno.

"É uma falta de respeito com os vizinhos. Eles não têm interesse nenhum, tá preocupante isso".

O lote não recebe os devidos cuidados (Foto:: Direto das ruas)
O lote não recebe os devidos cuidados (Foto:: Direto das ruas)

Fotos enviadas por meio do Direto das ruas mostram alguns recipientes propícios ao acúmulo de água, virando criadouros, o que facilita a transmissão de dengue. O terreno também está cheio de lixo e vegetação.

Fiscalização - De acordo com informações da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana), o proprietário do terreno pode ser multado entre R$ 2.414,50 a R$ 9.658,00, caso a fiscalização seja feita no local, com prazo de 15 dias para o cumprimento.

Questionada sobre fiscalização deste terreno, a assessoria de imprensa da Prefeitura de Campo Grande não enviou resposta até o momento de publicação desta reportagem.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.