ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  11    CAMPO GRANDE 16º

Direto das Ruas

Sem internet, cliente reclama de descaso de empresa de telefonia

Ela está sem internet há dias e diz que prazos para reparo não são cumpridos; agências do Detran também estão sem sistema

Por Guilherme Correia e Maressa Mendonça | 02/07/2020 15:08
Serviço está indisponível desde terça-feira (Foto: Silas Lima)
Serviço está indisponível desde terça-feira (Foto: Silas Lima)

Instabilidade na internet desde o início da semana prejudica o trabalho de quem está no sistema de home office, em Campo Grande, neste período de pandemia do coronavírus. Moradores da cidade do interior também tiveram dificuldades em acessar os serviços do Detran (Departamento Estadual de Trânsito), nesta quinta-feira (2), pelo mesmo motivo.

Ao Campo Grande News, a arquiteta Amanda Seiko, de 25 anos, moradora do Bairro Mata do Jacinto conta que está sem internet desde terça-feira (30). Segundo ela,  o serviço da empresa de telefonia Oi começou a apresentar instabilidade no início da semana, dificultando totalmente o trabalho.

Na segunda-feira, ela notou que a internet estava pior do que o normal. No dia seguinte, amanheceu sem conexão. "Liguei na central, informaram que estavam fazendo reparo na rede da região e que seria consertado até 15h".

Passado o tempo estipulado, a internet não voltou e novo prazo foi dado - 17h do mesmo dia. O tempo não foi suficiente e ela ficou sem ter como utilizar a rede para trabalhar, por exemplo, até a manhã do dia seguinte. "Estamos em home office, preciso da internet para trabalhar, como vou entregar meus projetos? Sempre paguei as contas direitinho".

Na quarta-feira (1º) de manhã, foi estipulado prazo até a tarde, que também não se cumpriu. Segundo ela, o serviço está indisponível "até agora".

A reportagem também recebeu queixas de instabilidade no sistema do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) em decorrência do rompimento de fibra ótica da OI. O problema teria atingido as agências localizadas em Figueirão, Paraíso das Águas, Costa Rica, Chapadão do Sul, Selvíria, Aparecida do Taboado, Alcinópolis, Inocência, Cassilândia e Paranaíba.

Amanda está impossibilitada de trabalhar devido à instabilidade na internet (Foto: Direto das Ruas)
Amanda está impossibilitada de trabalhar devido à instabilidade na internet (Foto: Direto das Ruas)

Procurada, a assessoria de imprensa da Oi informou que o caso da cliente será tratado pontualmente a fim de que os problemas sejam apurados e resolvidos.

Em relação ao rompimento da fibra ótica que causou instabilidade no sistema do Detran, a Oi respondeu que, " foi provocado por terceiros e causou uma falha pontual no link de dados do Detran/MS".  Ainda segundo eles, "tão logo o problema foi detectado, técnicos da operadora foram deslocados para o local e os serviços foram normalizados ainda pela durante a manhã de ontem"

O Detran também foi procurado, por meio da assessoria de imprensa, para confirmar se as agências de outras cidades tinham sido afetadas com o rompimento da fibra ótica. Eles confirmaram a informação e disseram que a empresa de telefonia foi corrigindo o problema no decorrer do dia.

Direto das ruas - A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563. Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

(*) Matéria editada às 12h do dia 3 para acréscimo das respostas da OI e do Detran.