A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

01/06/2012 18:02

Aneel diz que Enersul não sinalizou pagamento de dívida e reajuste segue congelado

Fabiano Arruda

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), por meio da assessoria de imprensa, afirmou que a Enersul segue inadimplente junto ao órgão e não deu sinais de que vai pagar a dívida de quase R$ 50 milhões.

A pendência impede que a concessionária de energia elétrica aplique reajuste, autorizado pela agência desde 8 de abril.

A empresa obteve, ontem, autorização da agência para contrair empréstimo de até R$ 55 milhões junto ao Banco Original do Agronegócio.

O texto da autorização afirma que o montante será para "investimentos na respectiva área de delegação de serviço público". Não há menção se vai ser usado para quitar a dívida.

Em julgamento no início de abril, a Aneel aprovou a aplicação do reajuste. Os índices são de 2,92% para indústrias e 2,47% para a classe residencial, o que resulta em média de 2,59% de alta para os clientes.

Questionada sobre a dívida, a Enersul, por da assessoria de imprensa, preferiu destacar que a concessionária é uma das menos endividadas do País.

No início de abril, a empresa divulgou balanço que aponta lucro de R$ 151,8 milhões em 2011 contra 85,4 milhões em 2010. A receita operacional atingiu R$ 1,9 milhão.

Além disto, o relatório trouxe análise independente de auditores, que aponta a crise na Celpa (Centrais Elétricas do Pará) como ameaça à Enersul na obtenção de capital de giro.

R$ 55 milhões para Enersul
CaixaA Enersul recebeu ontem autorização da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) para contrair empréstimo de até R$ 55 milhões junto ao Banco...
Com novo sistema, Enersul descobre fraude até em escola de Nova Andradina
Um sistema que agiliza a descoberta de desvio de energia identificou em Nova Andradina um irregularidade a cada três unidades consumidoras vistoriada...
Após 2 meses, Enersul segue impedida de reajustar tarifa por causa de dívida
A Enersul segue impedida de aplicar reajuste na tarifa de energia elétrica, autorizado pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) para entrar ...


Mais do que clara a situação: esta empresa pertence a Grupos Politicos que sabem que tudo pode ser resolvido por baixo do pano neste pais. Lamentável!! O Pais foi "loteado" por quadrilhas e os benefícios demoram pra chegar para os cidadãos. A PF prendem mas, os juizes soltam.
 
Jorge Junior em 02/06/2012 09:05:07
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions