A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

06/02/2017 20:38

Caixa Econômica inicia programa de demissão voluntária nesta terça-feira

Nyelder Rodrigues

Começa nesta terça-feira (7) o processo de adesão ao programa de demissão voluntária (PDV) dos funcionários da Caixa Econômica Federal. A abertura foi anunciada nesta segunda-feira (6) pelo presidente do banco, Gilberto Occhi. O prazo vai até o dia 20 deste mês.

Segundo Occhi, o objetivo é alcançar no máximo 10 mil funcionários, dentre os cerca de 30 mil que trabalham atualmente na empresa. A saída dos servidores do banco pode gerar uma economia de cerca de R$ 1,8 bilhão somente no ano de 2018. De acordo com Occhi, porém, esse valor só será atingido se o limite de 10 mil funcionários for alcançado.

"À medida que forem sendo feitas as inscrições, vamos enquadrá-los [os funcionários] em todas as regras. O limite é 10 mil, pode ser 6 mil, 7 mil, mas nosso limite é 10 mil de um público, um universo de cerca de 30 mil", disse à Agência Brasil

Podem aderir ao programa os empregados aposentados pelo INSS até a data de desligamento, sem exigência de tempo mínimo de efetivo exercício na Caixa; ou aptos a se aposentarem pelo INSS até 30 de junho deste ano, também sem exigência de tempo; ou com, no mínimo, 15 anos de trabalho na Caixa, no contrato de trabalho vigente, até a data de desligamento; ou ainda com adicional de incorporação de função de confiança/cargo em comissão/função gratificada até a data de desligamento, também sem exigência de tempo na Caixa.

Os que aderirem ao programa receberão um incentivo financeiro como indenização. O valor será de 10 remunerações base do empregado, considerando como referência a data de 31 de janeiro deste ano. O pagamento será feito em parcela única, sem incidência de Imposto de Renda, recolhimento de encargos sociais e contribuição à FUNCEF, explica a assessoria do banco.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions