A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

12/12/2012 11:20

Com foco em logística, fábrica de celulose nasce para ser líder global

Primeiro carregamento segue para a China ainda neste ano

Aline dos Santos, da Redação, e Carlos Martins, de Três Lagoas
Até 2020, fábrica vai ativar outras duas linhas de produção. (Foto: Perfil News)Até 2020, fábrica vai ativar outras duas linhas de produção. (Foto: Perfil News)

Com 2.500 empregos, foco na logística e maior capacidade na produção de celulose, a Eldorado Brasil, em Três Lagoas, nasce para ser líder global do setor. “Construímos uma fábrica que será referência mundial”, afirmou o presidente José Carlos Grubisich. A predisposição em liderar o mercado é expressa em números: R$ 4,5 bilhões na construção da unidade, R$ 800 milhões em logística e R$ 900 milhões para compor as florestas de eucalipto.

José Carlos destaca o investimento para tornar a fábrica autossustentável e as medidas de preservação do meio ambiente. A unidade terá autossuficiência energética, com a produção de 220 megawatts a partir dos resíduos de madeira. Metade será utilizada diretamente na fábrica. O restante será destinado a dois parceiros: Eka, que produz os químicos utilizados no branqueamento da celulose, e White Martins, fornecedora de oxigênio. Do total, outros 28 megawatts serão vendidos para o sistema nacional de energia.

A fábrica, construída em dois anos, começou a produzir no mês passado e faz hoje a inauguração oficial, com a participação do presidente da República em exercício, Michel Temer (PMDB), e show do tenor italiano Andrea Bocelli.

O primeiro embarque será realizado ainda em 2012. De 60 a 100 mil toneladas de celulose seguirão para a China. O produto seguirá para o Porto de Santos (São Paulo) por trilhos e embarcações. O sistema de logística incluiu a construção de modal rodoferroviário em Aparecida do Taboado, localizada a 90 km de Três Lagoas. Com saída para o rio Paraná, a produção também será escoada por via fluvial.

A unidade tem capacidade para produzir 1,5 milhão de tonelada de celulose por ano, total que deve ser alçando no próximo ano. Até então, a maior fábrica tem potencial de produzir 1,3 milhão de tonelada. Em 2017, deve ser aberta mais uma linha de produção. Em 2020, será ativada a terceira linha. Em 2021, a meta é alcançar 5 milhões de toneladas de celulose por ano.

Produtividade - A empresa também vai criar um centro tecnológico florestal, para o desenvolvimento de novas variedades de eucalipto. O objetivo é chegar à produtividade de 50 metros cúbicos por hectare. O local ainda não foi definido, mas será na região do Bolsão. A escolha deve ser feita entre Três Lagoas, Selvíria, Aparecida do Taboado e Inocência.

Mão de obra – Os 2.500 trabalhadores vão trabalhar na fábrica, logística, setor florestal, comercial e administrativo. Segundo o presidente da Eldorado Brasil, a sala de controle permite operação remota. O departamento terá 60 pessoas a cada turno. “É uma sala da Nasa”, compara.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions