A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

29/09/2017 15:20

Cooperativa de crédito movimenta R$ 75 milhões em MS neste ano, alta de 39%

Osvaldo Júnior
Agência do Sicredi; movimentação financeira cresce em MS (Foto: Divulgação/OCB)Agência do Sicredi; movimentação financeira cresce em MS (Foto: Divulgação/OCB)

Mesmo com a economia retraída, o cooperativismo de crédito apresenta números expressivos em Mato Grosso do Sul. Na comparação entre o primeiro semestre deste ano e mesmo período de 2016, o Sicredi, instituição financeira com 3,6 milhões de associados em todo o País, elevou em 39% o resultado líquido no Estado, totalizando R$ 75,5 milhões.

O incremento está acima da alta média nacional, de 36,4%, resultado também significativo. Entre os impulsionadores do crescimento, está a procura por poupança, cujo desempenho fomentou o crédito rural. No total dos depósitos, a alta foi de 18%. Em se tratando especificamente da modalidade poupança, o aumento foi de 32,9%, atingindo R$ 7,8 bilhões.

De acordo com o Sicredi, uma das razões para o desempenho em poupança é o próprio modelo de atuação da instituição. “No cooperativismo de crédito, os associados são os donos do negócio. Com isso, há um comprometimento não somente para manter os resultados equilibrados da cooperativa de crédito a qual se associaram, como também para fomentar o desenvolvimento local. E é justamente aí que entra a importância do incremento constante no volume de depósito em poupança, pois os recursos dessa captação são usados pelo Sicredi para fomentar o crédito rural”, destaca João Tavares, presidente-executivo do Banco Cooperativo Sicredi, que assumiu a nova função em junho deste ano.

Baixa inadimplência – No primeiro semestre de 2017, a carteira de crédito do Sicredi registrou R$ 37,0 bilhões, incremento de 16,8% em relação ao mesmo período de 2016. Deste montante, 67% está em cidades de pequeno porte (até 50 mil habitantes) e 51% do crédito comercial para pessoa jurídica foi concedido para micro e pequenas empresas (faturamento até R$ 3,6 milhões anuais), evidenciando o suporte que a instituição financeira cooperativa proporciona a este segmento.

A carteira de crédito rural e direcionados fechou em R$ 15,9 bilhões, com crescimento de 22,8% em comparação ao mesmo período de 2016. No Plano Safra 2016/2017, foram liberados R$ 12,4 bilhões, 41% mais do que na safra anterior que foi R$ 8,8 bilhões, totalizando 175 mil operações e 104 mil associados atendidos, abrangendo mais de 1.500 municípios brasileiros.

Mesmo com o crescimento da carteira de crédito, o índice de inadimplência do Sicredi manteve-se baixo, com 2,08, conforme informou a instituição.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions