A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Maio de 2017

05/05/2017 11:01

Crise afeta presente do Dia das Mães e menos douradenses vão às compras

Pesquisa revela que valor médio do presente será menor em comparação a 2016 e maioria ainda não sabe o que comprar

Helio de Freitas, de Dourados
Número de douradenses que vai dar presente no Dia das Mães será menor neste ano (Foto: Helio de Freitas)Número de douradenses que vai dar presente no Dia das Mães será menor neste ano (Foto: Helio de Freitas)

Ao contrário da Páscoa, quando o valor médio destinado à compra de ovos de chocolate foi o maior de Mato Grosso do Sul, o Dia das Mães vai ser mais condizente com o momento de crise do país em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande.

Pesquisa da Fecomércio mostra que o número de douradenses que vão presentar no Dia das Mães deste ano será menor que em 2016. Dos 266 entrevistados na segunda maior cidade do estado, 72,18% têm intenção de presentear no segundo domingo deste mês.

No ano passado, a mesma pesquisa apontou que 83% da população economicamente ativa da cidade iria às compras no Dia das Mães.

O valor médio do presente em 2017 será de R$ 51 a R$ 100 para 32,27% dos entrevistados. No ano passado, o valor médio do presente foi de R$ 131.

A expectativa de faturamento do comércio douradense se mantém estável neste ano. Em 2016, o comércio tinha esperança de movimentar R$ 10,7 milhões com as vendas para o Dia das Mães, mas agora em 2017 esse total não deve passar de R$ 11 milhões.

Maioria em dúvida – Outro dado revelado pela pesquisa é que 17,75% dos entrevistados ainda não sabem o que comprar no Dia das Mães. Outros 16,72% vão comprar vestuário, 12,29% perfumes e cosméticos e 11,60% vão presentear com calçados.

A crise vai afetar também a quantidade de presentes. Dos entrevistados pela Fecomércio, 49,62% comprarão apenas um presente, destinado, principalmente à mãe (51,18%).

A maioria dos douradenses – 62,41% - vai comprar o presente na semana da data comemorativa, principalmente nas lojas do Centro e pagando à vista com dinheiro.

Entre os entrevistados, apenas 13% afirmaram que vão participar das comemorações do Dia das Mães e os gastos poderão variar entre R$ 51 e R$ 100, distribuídos em alimentação e bebidas. Apenas 0,72% admitiu a possibilidade de viajar na data.

Conselho do FCO aprova mudanlas para dar celeridade aos financiamentos
Foi aprovado em reunião extraordinária dos membros do Conselho de Investimentos Financiáveis pelo FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centr...
Refletindo cenário político, Bovespa cai 1,54% e dólar sobe a R$ 3,27
O principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo (BM&F Bovespa), Ibovespa, encerrou o dia com queda de 1,54%. O dólar, por sua vez, terminou o pre...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions