A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Fevereiro de 2017

20/11/2016 10:34

Entre R$ 50 e R$ 1,5 mil, ceia de Natal pronta é opção de renda para chefs

Elci Holsback
Há pratos para todos os gostos e de todos os valores (Foto: Vera Chaves)Há pratos para todos os gostos e de todos os valores (Foto: Vera Chaves)

Faltando pouco mais de um mês para o Natal, as encomendas de ceias de Natal prontas já estão em ritmo acelerado. Quem aproveita a época para trabalhar e aumentar a renda, afirma que as expectativas são boas e que, até o momento, a busca pelos produtos já se equivale ao ano passado. 

A chef Adriana Torres conta que tem sete encomendas contratadas e outras dez em negociação e que as ligações clientes em busca por informações e orçamentos são diárias. "As pessoas estão bastante interessadas e não posso reclamar das vendas. Em 2015 fizemos 16 ceias e para este ano a procura está bem maior", avalia a chef do Grand Mère Buffet que acredita no aumento das encomendas nas próximas semanas. "Não há como estimar quantas ceias vamos fazer, mas com certeza será mais que no ano passado".

O valor inicial de uma ceia com sete pratos no cardápio que serve dez pessoas é de R$ 1.500 e o serviço oferece torta, pernil, peru, chester ou tender, filé, farofa de frutas e sobremesas variadas. Para inserir ou alternar ingredientes o valor altera e quanto mais próximo do Natal, maior a possibilidade do custo aumentar. "O valor dos produtos sobem, então o ideal é encomendar antes. Na véspera tudo fica mais caro", conta Adriana, que recebe encomendas até dia 22 de dezembro.

Ceias prontas são opção prática para as festas (Foto: Vera Chaves)Ceias prontas são opção prática para as festas (Foto: Vera Chaves)

Última hora - A chef Vera Chaves também trabalha com ceias de Natal com pratos variados. Mesmo com mais de 20 encomendas já contratadas, ela percebe as vendas um pouco mais tímidas neste ano. "Nessa época em 2015 eu já havia fechado 30 encomendas, pode ser a crise, mas também as pessoas deixam tudo para a última hora, muitas me procuram na semana do Natal, então acredito que vai haver reação", comenta Vera, que no último final de ano preparou 40 ceias.

As vendas neste caso são feitas por prato e não pela ceia completa, o cliente decide que tipo de refeição quer. Além dos pratos tradicionais, a chef oferece massas e salmão entre outros e um prato de rondelli para seis pessoas sai a R$ 50. O prato mais caro é a paeja de frutos do mar que custa em média R$ 160 por pessoa. "Muitas pessoas preferem a liberdade de comprar apenas um ou outro tipo de prato e não querem a ceia completa. Já tenho clientes fixos que visam a praticidade", finaliza.

Mercado - A venda de ceias de Natal também movimenta o mercado de trabalho. Em casos excepcionais, quando o cliente solicita, o buffet também envia garçons e , caso haja grande demanda é necessária contratação. A chef Adriana Torres comenta ainda que nesse período, o valor do serviço do profissional aumenta em média quatro vezes. "Se para eventos normais pagamos por exemplo R$ 100 para um Natal é no mínimo R$ 400".

O buffet até então não oferecia serviço de ceia para Revellion, mas Adriana conta que desde este mês já há clientes procurando pelos pratos para a festa. "Acredito que vou alterar o cronograma de final de ano e oferecer ceias também para o Revellion, pois, a procura é grande e compensa", adianta.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions