ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, SÁBADO  17    CAMPO GRANDE 19º

Economia

Escolas que topam desconto em mensalidades não chegam a um terço do total

Lista obtida pelo Campo Grande News mostra estabelecimentos que querem, ou já estão, negociando valor pago

Por Marta Ferreira | 04/05/2020 19:37
Defensor Homero Lupo Medeiros informou que nova reunião será marcada para discutir proposta. (Foto: Divulgação)
Defensor Homero Lupo Medeiros informou que nova reunião será marcada para discutir proposta. (Foto: Divulgação)

Não chega a um terço do total o número de escolas privadas de Campo Grande dispostas a conceder desconto aos alunos nas mensalidades, em razão da suspensão das aulas presenciais, por causa da pandemia de novo coronavírus.  Mediada pelo Procon, pela Defensoria Pública e pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) negociação  com os estabelecimentos de ensino ainda não rendeu acordo.

Primeiro, as conversas foram com o Sinep (Sindicato das Escolas Particulares de Mato Grosso do Sul) e nos últimos dias, nova entidade representativa dos estabelecimentos particulares entrou no debate. Batizada de Associação de Instituições de Ensino Particular de Campo Grande, ela representa 38 escolas, dispostas a oferecer descontos aos pais e mães de estudantes. Algumas delas já estão com as negociações em prática.

Além dessas, segundo levantamento feito pelo Campo Grande News, mais quatro empresas da educação privada estão prevendo reduzir o valor recebido, em razão da diminuição das atividades.

Percentual - As 43 empresas do ensino privado em nível fundamental representam 29% das 176 escolas existentes na cidade, conforme dados do censo escolar de 2018, o mais recente disponível.

Representantes da entidade privada informaram que uma nova proposta seria encaminhada ainda hoje para as autoridades.

À espera

Um dos responsáveis pela mediação, o defensor público Homero Lupo Medeiros, informou que vai ser marcada reunião para conhecer a proposta da associação que ainda não havia sido apresentada até o fechamento deste texto.

O Campo Grande News relacionou as escolas que estão dispostas a oferecer desconto, ainda que o acordo esteja em andamento. Parte delas já colocou as mudanças em prática.

 Confira abaixo:

Colégio Fennix

Colégio Impacto

Berçário Impacto

Colégio João Batista

Colégio Liceu Unidade 1

Escola Afetiva

Escola Colo de Mãe

Escola Construindo o Saber

Escola Crescendo

Escola Imaginar

Escola Pés nas Nuvens

Escola Planeta Criança

Escola Raio de Sol

Escola Tom da Vida

Escola Ursinho Panda

Escola Turma da Monica

Escola Atual

Escola Amarelinha

Escola Batista

Escola Estação Criança

Escola Liceu Unidade 2

Colégio Alberto Bettencourt

Colégio Cristão Aliançados

Centro Educacional Século XX

Escola Alternativa

Colégio Sucesso

Escola Manoel de Barros

Escola Biovilla

Escola Sossego da Mamãe

Berçário Sossego da Mamãe

Escola Criatividade

Colégio Status

Colégio Paradigma

Escola Sigma

Escola Cheiro de Alecrim

Colégio São Francisco

Escola Maria Blagitz

Escola Jean Piaget

Colégio ABC

Escola Paulo Freire

Escola Despertare

Colégio Montessori

Colégio Nova Geração

Colégio Refferencial

Colégio Criarte

Escola Vida Feliz

Escola Tic Tac

Escola Maple Bear

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário