A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Outubro de 2018

11/10/2013 18:27

Feriado lota comércio na fronteira entre MS e Paraguai

Vinícius Squinelo
Shopping China ficou lotado de turistas (foto: divulgação)Shopping China ficou lotado de turistas (foto: divulgação)

A cidade de Pedro Juan Caballero recebeu a visitas de milhares de turistas nesta sexta-feira (11), feriado em Mato Grosso do Sul. Com o gasto dos visitantes, o volume de vendas neste mês já superou as expectativas dos comerciantes, que se preparam para os feriados de fim de ano.

O maior shopping de importados da região, o Shopping China, é um dos mais procurados neste feriado, e disponibilizou degustações na seções de comestíveis e bebidas. Já o setor de brinquedos sendo a principal atração entre as crianças, possui cenários de encanto e magia, juntamente com a presença das princesas da Disney, as crianças puderam fotografar e curtir esse momento mágico.

Aproveitando este feriado, o Shopping China preparou ofertas em produtos importados que vão até o domingo (13).

Para a comodidade dos clientes, o Shopping China conta com um amplo estacionamento para 2.800 veículos em um lugar seguro e cômodo, praça de alimentação com variedades em comidas para todos os tipo de gostos também no mesmo local um telão gigante de led.

Dentro do complexo o cliente também conta com A Mega Auto Centro, onde são realizados alinhamentos e balanceamentos de carros, hipermercado Maxi e Posto Petrobras oferecendo o melhor combustível para seu carro.

Dólar fecha em queda, cotado a R$ 3,71, de olho no cenário eleitoral
O dólar fechou a sexta-feira (19) em queda com o mercado ainda acompanhando o cenário eleitoral. A moeda caiu 0,26%, vendida a R$ 3,7125. Na semana, ...
Preço da gasolina cai 2% nas refinarias a partir de amanhã
A Petrobras anunciou hoje (19), em sua página na internet, que o preço do litro da gasolina ficará 2% mais barato em média nas refinarias de todo o p...
Índice que reajusta aluguel acumula inflação de 10,88% em 12 meses
O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado no reajuste de contratos de aluguel, subiu 0,97% na segunda prévia de outubro. A taxa é inferior ao 1...


Infelizmente somente os comerciantes do Paraguai que lucram, devido a não pagarem impostos e ter preço melhor, e já os comerciantes de Ponta Porã pagam impostos altíssimos do lado brasileiros e ainda contam com essa concorrência desleal. Mas graças ao governo Federal uma lei foi aprovada criando uma zona livre de impostos em todas as fronteiras do Brasil, dai os visitantes podem escolher onde comprar, tanto no Brasil ou no Paraguai. Lembrando que no Brasil os produtos contam com garantia e o Código de Defesa do Consumidor.
 
Marcos Wild em 11/10/2013 19:15:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions