ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUINTA  21    CAMPO GRANDE 25º

Economia

Governo Federal atualiza preços e combustíveis ficará mais caro em 18 Estados

Medida não atingirá Mato Grosso do Sul, que manterá os valores praticado atualmente

Por Jhefferson Gamarra | 25/09/2021 13:55
Letreiro indicando valores dos combustíveis em um posto da Capital (Foto: Marcos Maluf)
Letreiro indicando valores dos combustíveis em um posto da Capital (Foto: Marcos Maluf)

O Governo Federal publicou no Diário Oficial da União (DOU) da última sexta-feira (24), uma atualização da tabela PMPF de valores médios ponderados ao consumidor final dos combustíveis, que acarretará em alta da gasolina em 18 estados, do diesel em 17 e do gás liquefeito de petróleo (GLP) em 15 unidades da federação. Os novos preços médios começam a valer no dia 1º de outubro.

A tabela de reajustes autorizada pelo Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) serve como base para que os governos estaduais estabeleçam as médias para a cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) que incide nos combustíveis.

O ato detalha como será cobrado o imposto da gasolina comum, gasolina aditiva, óleo diesel, diesel S10, GLP (gás de cozinha), GNV, e outros combustíveis.

De acordo com a publicação, a atualização não atingirá apenas os Estados de Mato Grosso do Sul, Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Pernambuco, Paraná e Santa Catarina. Neste caso, todos os estados citados manterão o preço praticado atualmente.

De todas as localidades, o estado vizinho, Mato Grosso é a localidade que terá o maior reajuste, somando 6,0% na gasolina e 5,4% do diesel. Apenas o Distrito Federal terá queda no preço da gasolina e o Maranhão registrará queda no valor do Diesel.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário