A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

16/04/2013 16:18

Grupos investem R$ 140 milhões na produção de etanol do milho em MS

Edivaldo Bitencourt
Produção de etanol de milho deve gerar 750 empregos diretos e indiretos em Chapadão do Sul. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Produção de etanol de milho deve gerar 750 empregos diretos e indiretos em Chapadão do Sul. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Mato Grosso do Sul também vai produzir etanol a partir do milho, como acontece nos Estados Unidos. As empresas POET e BioUrja Trading LLC, dos EUA, planejam investir cerca de R$ 140 milhões (US$ 70 milhões) na instalação de uma indústria em Chapadão do Sul, a 321 quilômetros da Capital.

A nova indústria começa a ser construída neste ano e deve entrar em operação em 2015, com capacidade para produzir 150 milhões de litros de álcool combustível por ano. A previsão é aproveitar 380 mil toneladas de milho, segundo o consultor João Luís Bortolussi. Serão 150 empregos diretos e outros 600 indiretos.

Um dos maiores produtores de etanol nos Estados Unidos, onde tem 27 destilarias e responde por 10% da produção daquele país, a POET quer chegar com tudo ao Brasil. Além desta unidade em Chapadão do Sul, a empresa planeja construir outras nove usinas na região.

Segundo Botolussi, serão contemplados os municípios, incluindo os de Goiás, que ficam num raio de 300 quilômetros. A área tem potencial de produzir 3 milhões de toneladas de milho por ano.

Amanhã e quinta-feira, os diretores do POET e BioUrja vão visitar o município para sacramentar o negócio.
Além de etanol, o grupo pretende produzir DDGF, que é um subproduto utilizado na ração animal por conter alto valor energético e protéico. Apesar do grupo ser inédito no Brasil, a nova usina deverá criar um novo segmento no mercado com a produção anual de 110 mil toneladas.

Mato Grosso do Sul é o quarto maior produtor brasileiro de cana-de-açúcar. Só a produção de etanol prevista para este ano é de 2,3 bilhões de litros de etanol.



Mas qual é o custo dessa produção? O milho por acaso é mais barato que a cana? O milho não é a base alimentar de ração animal?

Tudo isso me parece muito bom....para os EUA.


 
Antonio Carlos em 17/04/2013 10:09:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions