ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 25º

Economia

Monsanto vai esperar decisão da Justiça sobre cobrança de royalties

Por Nícholas Vasconcelos | 20/11/2012 19:02
Presidente da Monsanto falou sobre suspensão da cobrança de royalities durante vento na Famasul. (Foto: Rodrigo Pazinato)
Presidente da Monsanto falou sobre suspensão da cobrança de royalities durante vento na Famasul. (Foto: Rodrigo Pazinato)

A Monsanto vai manter suspensa a cobrança de royalities da tecnologia RR da soja até o julgamento final da ação que pediu o fim do pagamento da taxa. O anúncio foi feito pelo presidente da Monsanto do Brasil, André Dias, durante o MS Agro nesta terça-feira (20), na sede da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul).

De acordo com a empresa, a decisão de suspender a cobrança pelo uso da tecnologia não é definitiva e deve seguir até que a Justiça apresente o resultado final. O pedido para que o pagamento fosse suspenso foi feito pela Famato (Federação da Agricultura de Mato Grosso), alegando que o prazo para a cobrança havia terminado em 2010 e que ele havia se tornado de domínio público.

A empresa afirma que a decisão de não exigir os royalites era somente para Mato Grosso, mas que decidiu estender para todo o país de forma voluntária.

Segundo a Famato, a Monsanto teria cobrado R$ 350 milhões dos produtores do Estado vizinho desde o vencimento do direito de propriedade intelectual da tecnologia, em janeiro de 2010.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário