ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUINTA  30    CAMPO GRANDE 25º

Economia

MS faturou US$ 1,7 milhão com exportações de tilápia no 2º trimestre de 2022

Principal destino desta proteína é os EUA, responsável por 94,07% da receita deste produto

Liana Feitosa | 05/09/2022 17:25
Tanques de criação de peixes em MS. (Foto: Divulgação/Famasul)
Tanques de criação de peixes em MS. (Foto: Divulgação/Famasul)

Mato Grosso do Sul ocupa o 2º lugar no ranking nacional de exportação de tilápia, de acordo com levantamento do Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS). De janeiro a julho deste ano, o volume exportado de tilápia quase que dobrou, passando de 396,8 kg em 2021 para 785,8 kg no último semestre, o que representa aumento de 98,04%. Somente no 2° trimestre deste ano as exportações de tilápia de MS geraram receita de US$ 1,7 milhão.

O principal destino desta proteína é os Estados Unidos, com 94,07% da receita deste produto, seguido do Canadá, com 5,93%.

Também houve crescimento no volume de peixes de água doce produzidos em MS nos últimos meses. De janeiro a agosto deste ano, comparado ao mesmo período de 2021, o avanço foi de 32,92%. “Ao longo dos anos a produção de peixe no país vem crescendo, e o incremento em 2021 foi de 4,7%, em relação ao ano de 2020. A abertura de mercados externos é o grande motivador dessa expansão”, explica o coordenador técnico do Sistema Famasul, André Nunes.

Ainda segundo Nunes, a busca pelo produto incentiva esses avanços. “Na última década o consumo desta proteína aumentou e percebemos isso quando chegamos no supermercado e nos deparamos com variedades de peixes, inteiro, processado, em postas, filé. Antes só encontrávamos nas peixarias”, acrescenta.

Números - Segundo o Boletim Técnico de Piscicultura, divulgado em julho deste ano com os resultados trimestrais do Estado, as exportações de tilápia de MS geraram receita de US$ 1,7 milhão e totalizaram 350.255 kg no 2° trimestre deste ano. Essa receita foi 83,32% maior que a obtida no mesmo período do ano passado, e o volume registrou alta de 159,98% em relação ao segundo trimestre de 2021.

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), os municípios do Estado que mais se destacam na produção de tilápia são Aparecida do Taboado, Selvíria, Mundo Novo, Brasilândia e Itaporã. A proximidade de alguns municípios do leste do estado com o Rio Paraná, além do clima e da logística, favorecem a produção.

Nos siga no Google Notícias