A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

14/07/2014 19:05

Na contramão dos dados nacionais, turismo de MS diz que Copa frustrou

Mariana Lopes
Chilenos movimentaram o Estado dias antes da abertura da Copa do Mundo, mas estiveram só de passagem (Foto: Marcos Ermínio)Chilenos movimentaram o Estado dias antes da abertura da Copa do Mundo, mas estiveram só de passagem (Foto: Marcos Ermínio)

Acima do esperado, o Brasil recebeu aproximadamente 1 milhão de turistas estrangeiros durante o mês que o país sediou a Copa do Mundo, segundo dados do CICC (Centro Integrado de Comando e Controle). Na contramão dos números nacionais, o movimento de turistas em Mato Grosso do Sul foi frustrante para o setor, com balanço bem abaixo da expectativa.

Segundo o presidente da ABIH (Associação Brasileira da Indústria Hoteleira), Leonardo Lorenzzetti, em Campo Grande o movimento de turistas e a ocupação de leitos em hotéis foram "péssimos".

"Houve uma ocupação dos leitos inferior se comparado ao mesmo período de anos anteriores, de aproximadamente 10%", destaca Leonardo. No interior do Estado, como em Bonito e Corumbá, ele garante que os números foram melhores, mas ainda assim não atingiu o esperado.

"Havia expectativa de receber estrangeiros, mas a maioria dos turistas estavam passando direto e indo pro interior", comenta Leonardo. Agora, a expectativa é pelo pós-mundial. "Talvez a mídia espontânea dê resultados a longo prazo com a divulgação que tivemos durante este período de Copa do Mundo", ressalta.

Segundo o diretor de turismo de bonito, Clayton Castilho Gomes, o movimento maior na cidade foi de mochileiros, que ficaram em albergues e pousadas pequenas. "Tivemos 5,8% de aumento no setor em relação ao mesmo período do ano passado, mas não foi proveniente da Copa, porque esta é uma época quando os estrangeiros aproveitam mesmo para visitar a região, o número de pessoas que vieram pra Copa e passaram por aqui foi bem pouco", garante o diretor.

O primeiro semestre deste ano, segundo o diretor de Turismo de Bonito, teve um aumento de 12% no movimento de estrangeiros, se comparado ao primeiro semestre de 2013. "Mas isso é resultado do mercado que vem crescendo mesmo, das nossas publicidades no exterior", garante Clayton.

Para o empresário Cícero Ramos Peralta, proprietário de uma pousada em Bonito, a 257 quilômetros de Campo Grande, o movimento de turistas estrangeiros foi 50% abaixo do esperado pelos donos de hotéis e pousadas da região.

"Não podemos dizer que não teve turistas, mas particularmente não foi o que se esperava. A Copa até nos atrapalhou, porque segurou, inclusive, os turistas do Estado em casa, que queriam assistir aos jogos", comenta.

Tarifa de energia deve seguir na bandeira verde até março, diz ministro
A tarifa de energia elétrica deve permanecer na bandeira verde (sem custo adicional nas contas) até o fim do primeiro trimestre deste ano, afirmou ho...
Anac passa a divulgar ranking de satisfação de usuários de empresas aéreas
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) passa a divulgar, a partir de hoje (16), o ranking com as manifestações dos usuários do transporte aéreo. ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions