A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 24 de Outubro de 2017

11/10/2015 10:18

Natureza trouxe 85 mil turistas a Mato Grosso do Sul no 1º semestre

Mariana Rodrigues
Com atividades voltadas ao ecoturismo e aventura, Corumbá se destaca ainda mais pelo turismo de pesca. (Foto: Mario Friedland/ Facebook Corumbá Incrível)Com atividades voltadas ao ecoturismo e aventura, Corumbá se destaca ainda mais pelo turismo de pesca. (Foto: Mario Friedland/ Facebook Corumbá Incrível)

O turismo de Mato Grosso do Sul, que comemora hoje (11) 38 anos de criação, é sempre a forte referência do Estado devido seus atrativos naturais. Os cenários são os mais diversificados o que atrai turistas de todos os lugares do mundo.

Recebendo 85 mil turistas somente no primeiro semestre de 2015, Bonito é considerado o polo do ecoturismo em nível mundial, suas principais atrações são as paisagens naturais, os mergulhos em rios de águas transparentes, cachoeiras, grutas, cavernas e dolinas. A cidade, juntamente com Jardim, Guia Lopes da Laguna e Bodoquena, integra o complexo turístico do Parque Nacional da Serra da Bodoquena, apresentando grande potencial turístico.

O Parque foi criado em setembro de 2000, e consiste em uma conservação de proteção integral federal implantada no estado de Mato Grosso do Sul. Ele visa proteger a maior área contínua de mata no estado, a qual se localiza sobre um terreno com características geológicas especiais, o que atende a objetivos de preservação e estudo da biodiversidade.

Bonito é considerado o polo do ecoturismo em nível mundial, suas principais atrações são as paisagens naturais, os mergulhos em rios de águas transparentes. (Foto: Reprodução)Bonito é considerado o polo do ecoturismo em nível mundial, suas principais atrações são as paisagens naturais, os mergulhos em rios de águas transparentes. (Foto: Reprodução)

Em reconhecimento as suas belezas, Bonito recebeu o título de "Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil" neste ano, sendo que o município já recebeu 12 vezes consecutivas o prêmio, e neste ano reforça o título como referência no segmento.

Com atividades voltadas ao ecoturismo e aventura, Corumbá se destaca ainda mais pelo turismo de pesca. Porém existe ainda aqueles turistas que vão até o município para ficar em cruzeiros e outros que preferem visitar os polos turísticos da cidade. Pensando nesse público, em novembro começa a Piracema e a pesca estará proibida em toda a região. E para manter o turismo em alta, um programa especial está sendo preparado na cidade. São os cruzeiros fluviais de barcos cuja temporada será aberta em novembro com atividades exclusivas de ecoturismo.

De acordo com a diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, Hélènemarie Dias Fernandes, o novo produto turístico será lançado oficialmente no III Encontro de Turismo de Fronteira, marcado para o próximo dia 06 de novembro. Uma série de atividades a bordo e em excursões por terra no Pantanal, sob a orientação de monitores treinados, estão incluídos no roteiro, bem como o turismo cultural na cidade.

O Parque Nacional da Serra da Bodoquena, apresenta grande potencial turístico. (Foto: Prefeitura de Bonito)O Parque Nacional da Serra da Bodoquena, apresenta grande potencial turístico. (Foto: Prefeitura de Bonito)

Os roteiros programados do novo produto nomeado pela empresa como “Cruzeiro no Pantanal”, terá duração média de 5 dias e os pacotes turísticos já estão sendo comercializados com o suporte de operação inicial de três barcos (Netuno, Kayamã Vip e Almirante). A temporada dos cruzeiros fluviais ecológicos em Corumbá ofertados pela empresa, a princípio obedecerá o calendário de novembro 2015 com término em fevereiro 2016.

Quem também tem se destacado no turismo sul-mato-grossense, é a cidade de Alcinópolis. Com a arte rupestre e roteiros turísticos que integram sítios arqueológicos localizados no município, além de suas belezas naturais, visitantes de vários estados do país e principalmente de cidades do exterior têm visitado as belezas naturais do local.

Alcinópolis conta com arte rupestre e roteiros turísticos que integram sítios arqueológicos. (Foto: Reprodução Facebook)Alcinópolis conta com arte rupestre e roteiros turísticos que integram sítios arqueológicos. (Foto: Reprodução Facebook)

A Rota Arqueológica de Alcinópolis é um roteiro que integra três sítios arqueológicos e já recebeu mais de 100 visitas no primeiro semestre de 2015. O município que possui morros de fácil acesso e escalada, possui nascentes nos entornos, sítios arqueológicos compostos de cavernas com inscrições de milhares de anos atrás, excelentes visuais panorâmicos, além de riqueza vegetal e ornitológica.

Observatórios naturais de aves raras e formações rochosas também compõem a paisagem. O local possui inúmeras inscrições rupestres nas paredes e desenhos de animais e cenas de sua realidade como Mão de Deus e Cara do Bezerro, quando ali viveram em períodos que variam de dois a 12 mil anos.

Bolsa cai e cotação do dólar fecha no maior valor em mais de três meses
Em um dia de tensão no mercado financeiro, a Bolsa de Valores de São Paulo caiu, e o dólar norte-americano fechou no maior valor em mais de três mese...
Anatel rejeita proposta da Oi de trocar multas por investimentos
O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) rejeitou nesta segunda-feira (23) a proposta feita pela empresa de telefonia Oi, ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions