A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

28/12/2008 11:08

Nelsinho acompanha amanhã nos correios entrega do IPTU

Redação

Nessa segunda-feira o prefeito Nelsinho Trad acompanha o início da distribuição dos carnês do IPTU, em Campo Grande. O lançamento simbólico da cobrança neste ano será às 8 horas, na agência dos Correios (próximo à Rodoviária). A partir daí, os documentos começam a ser entregues aos contribuintes. A primeira parcela deve ser paga em fevereiro. O telefone 156 já foi ativado para solucionar dúvidas sobre a cobrança.

No total o valor esperado em arrecadação de IPTU é de R$ 122 milhões, com aumento de 7% em relação ao montante do ano passado. A meta, como sempre, é diminuir o índice de inadimplentes que hoje é de 25%. Uma das estratégias continua o sorteio. Em 2009 quem pagar em dia vai concorrer a um carro, poupanças de R$ 10 mil e notebooks.

No próximo ano, 112 mil imóveis de contribuintes que costumam pagar em dia o Imposto Predial Urbano terão desconto extra de 10% na quitação do imposto, garantidos pelo município como bônus. O abatimento vai atender aqueles que durante quatro anos não atrasaram o pagamento. A cada ano, com a quitação em dia, o contribuinte recebeu bônus de 2.5 pontos, e ao somar 10 pontos garantiu a inserção no benefício. O processo começou em 2005, com o IPTU Azul e facilidades para os inadimplentes colocarem as contas em dia.

A conta usada pela Prefeitura para calcular o valor venal dos imóveis e reajustar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) 2009 foram publicadas no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande).

Trata-se de um cálculo complexo, que leva em conta fatores como topografia, área edificada e depreciação.

O reajuste médio na conta do contribuinte é de 7,2%. Foram usados como referência para o reajuste o IPCA-E (de 6,2%) e o indicador Sinduscon (10,64%).

Em alguns bairros o reajuste ficou acima da inflação apurada, devido à valorização da região. Este é o caso da região do Parque do Sóter, englobando Jardim Polonês, Vilas Boas e Jardim Mansur.

A mesma edição do Diogrande traz o texto da lei do IPTU Progressivo, em vigor a partir de hoje, que estipula a majoração da alíquota pelo prazo de 5 anos consecutivos sobre a propriedade na região central de Campo Grande que tiver obrigações descumpridas, como terreno ou obra abandonada.

Confira as informações sobre o IPTU no Diogrande, a partir da página 4.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions