ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 14º

Economia

Obrigados a fechar mais cedo, shoppings antecipam horário de abertura

Por Paula Maciulevicius Brasil | 12/03/2021 12:08
No Shopping Campo Grande, horários obedecem decretos e sistema de delivery segue funcionando para a Praça de Alimentação. (Foto: Divulgação)
No Shopping Campo Grande, horários obedecem decretos e sistema de delivery segue funcionando para a Praça de Alimentação. (Foto: Divulgação)

Depois da publicação do decreto ampliando o horário do toque de recolher para 20h de segunda a sexta e determinando o fechamento do comércio às 16h nos fins de semana, os shoppings da Capital anunciaram novos horários de atendimento, antecipando a abertura. A nova medida passa a valer a partir deste domingo (14).

No Shopping Campo Grande, o horário será das 10h às 20h durante a semana e aos sábados e domingos, das 10h às 16h.  Segundo a assessoria de imprensa, o sistema delivery e drive-thru para compras continua em pleno funcionamento e a negociação é direto com as próprias lojas. A Praça de Alimentação segue atendendo entregas até 22h, conforme permitido por decreto.

No Shopping Norte Sul, lojas âncoras abrem as portas às 9h da manhã. (Foto: Divulgação)
No Shopping Norte Sul, lojas âncoras abrem as portas às 9h da manhã. (Foto: Divulgação)

No Shopping Norte Sul, as lojas âncoras como Casas Bahia, Magazine Luiza, Renner, Riachuelo, C&A, Lojas Americanas, Pernambucanas, Avenida e Marisa, por exemplo, vão abrir das 9h às 20h de segunda a sexta e das 9h até as 16h aos finais de semana. Já as demais lojas e Praça de Alimentação seguem o horário de 10h às 20h durante a semana e aos sábados e domingos, das 10h às 16h. Atendendo ao decreto, os restaurantes podem funcionar no delivery e vão seguir com entregas até 22h de segunda a sábado e até as 21h aos domingos.

Já no Shopping Bosque dos Ipês, a alteração é apenas no horário de fechamento. De segunda a sexta, as lojas e Praça da Alimentação funcionam das 11h às 20h e aos sábados e domingos, das 11h às 16h.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário