A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

05/03/2010 12:50

Operários aceitam 12% e até 14º e mantêm 3,5 mil abates

Redação

Os cerca de 5 mil trabalhadores dos frigoríficos Bertin e JBS Friboi vão aceitar a proposta das duas empresas e não vão retomar o movimento grevista, que teria início nesta sexta-feira. A decisão mantêm os 3,5 mil abates bovinos diários em Campo Grande.

De acordo com a FTIAA/MS (Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins do Estado), as duas empresas apresentaram reajuste de 12% no piso de R$ 510, que passará para R$ 571,20. Os vencimentos acima deste valor terão correção de 7%.

A entidade ainda comemorou a concessão de um abono anual no valor de R$ 1.680 para cada um dos 4 mil funcionários do Bertin e mil do Friboi. Esta espécie de 14º salário será paga a todos os funcionários. Também não haverá abates aos sábados, abrindo mais uma folga para os funcionários.

A proposta foi aprovada às 3h da madrugada de hoje pelos funcionários deste turno. Agora à tarde, começou a assembléia com cerca de 400 trabalhadores do período vespertino. A reunião é presidida pelo vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Carnes e Derivados de Campo Grande e presidente da FTIAA/MS, Vilson Gimenes Gregório.

A proposta inicial do setor patronal, refutada pela categoria, era reposição da inflação, 4,36%. A data base é 1º de março. Agora, as negociações serão retomadas com os frigoríficos Beef Nobre, Boi Verde e Diplomata. Devido à aprovação da greve, as duas últimas empresas não funcionaram hoje.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions