A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Outubro de 2018

22/02/2010 14:35

Pólo industrial de Rio Verde pode receber seis cerâmicas

Redação

O pólo cerâmico de Rio Verde do Mato Grosso, localizado a 210 quilômetros da Capital, terá 22 hectares e capacidade para receber seis indústrias. A área será doada pela prefeitura, conforme o presidente da Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul), Sérgio Longen, que conheceu o local neste domingo.

O novo pólo cerâmico será lançado durante a Expo MS, que acontecerá de 18 a 22 de maio deste ano. "Vamos criar um pólo moderno e que esteja adequado à vocação do município, colaborando para o fortalecimento de uma identidade regional", destacou.

O prefeito de Rio Verde, Wilian Brito (PPS), afirmou que o novo empreendimetno será um marco histórico para o município. Para o presidente da Associação do Arranjo Produtivo Cerâmico Terra Cozida do Pantanal, Natel Henrique Farias de Moraes, a cidade poderá ampliar a capacidade inicial de seis cerâmicas com a construção do pólo industrial.

A criação do pólo envolve a Fiems, Sebrae/MS (Serviço de Apoio ás Micro e Pequenas Empresas do Estado), Seprotur (Secretaria Estadual de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo) e Fecomércio (Federação do Comércio do Estado). "Essa é uma idéia que começou a ser consolidada quando participamos da missão na Europa e estivemos em Portugal, Espanha e Itália. A idéia é que este Pólo obedeça a um modelo capaz de oferecer produtos além de telha e tijolo, pois Rio Verde tem grande potencial extrativo", completou Sérgio Longen.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions