A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018

21/06/2018 09:30

Preço da gasolina continua caindo e litro chega a R$ 4,09 em Campo Grande

Entre o dia 13 de junho, quando o valor cobrado pela gasolina nas refinarias baixou pela primeira vez, até esta quinta-feira (21), o preço do combustível teve queda de R$ 0,10

Anahi Zurutuza e Ricardo Campos Jr.
Tabela mostra gasolina a R$ 4,09 em posto do Centro (Foto: Saul Schramm)Tabela mostra gasolina a R$ 4,09 em posto do Centro (Foto: Saul Schramm)

As sucessivas reduções no preço da gasolina feita pela Petrobras começam a refletir nas bombas. No início da manhã desta quinta-feira (21), posto de combustível localizado no centro de Campo Grande baixou o preço do litro para R$ 4,09.

Entre o dia 13 de junho, quando o valor cobrado pela gasolina nas refinarias baixou pela primeira vez, até hoje, o preço do combustível teve queda de R$ 0,10.

No dia 13, o litro saía para as distribuidoras a R$ 1,98. A previsão é que amanhã haja nova redução e a Petrobras, que anunciou hoje redução de 1,1% no preço do derivado de petróleo, passe a cobrar R$ 1,86 pelo litro. 

Apesar das várias reduções na gasolina, em Campo Grande, até segunda-feira (18), a gasolina mais barata nos postos saía a R$ 4,19, conforme o último levantamento feito pela ANP (Agência Nacional do Petróleo).

O posto São Marcos, que fica na rua Padre João Crippa, já cobrava mais barato – R$ 4,14 – que o levantado pela ANP.

Pesquisa – A pesquisa mostrava que a Petrobras havia reduzido em 4,68% o preço da gasolina na última semana, mas nas bombas de Mato Grosso do Sul o valor médio do combustível ficou apenas um centavo mais barato.

A análise anterior apontava que o médio da gasolina era R$ 4,41 e passou para R$ 4,40.

Em termos percentuais, isso representa um decréscimo de apenas 0,2%. O produto mais barato encontrado em Mato Grosso do Sul estava sendo vendido por R$ 4,17. Esse valor está 0,3% mais em conta em relação ao período imediatamente anterior. Já o combustível mais caro manteve o mesmo patamar: R$ 4,79.

Funcionários trocando placas com novo preço da gasolina (Foto: Saul Schramm)Funcionários trocando placas com novo preço da gasolina (Foto: Saul Schramm)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions