ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 27º

Lado Rural

Produção agrícola chega a R$ 44,9 bilhões em Mato Grosso do Sul

Montante representa aumento de 60,7% se comparado ao ano anterior

Izabela Cavalcanti | 16/09/2022 09:11
Colheitadeira descarrega grão em lavoura de Mato Grosso do Sul. (Foto: Edemir Rodrigues)
Colheitadeira descarrega grão em lavoura de Mato Grosso do Sul. (Foto: Edemir Rodrigues)

O valor da produção agrícola de Mato Grosso do Sul chegou a R$ 44,99 bilhões, no ano passado. O montante representa aumento de 60,7% se comparado ao ano anterior. Os dados fazem parte da PAM (Pesquisa Agrícola Municipal), divulgado ontem (15) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O avanço foi impulsionado pela soja, que atingiu produção recorde de 12,23 milhões de toneladas e teve aumento de 110% no valor da produção, se comparado a 2020 (R$ 14,30 bilhões).

Já o milho teve a produção reduzida em 40,3%. Em Mato Grosso do Sul, o valor da produção chegou a R$ 8,03 bilhões, alta de 7,88%. Na cana-de-açúcar foram colhidos 44,29 milhões de toneladas, 1,1% inferior ao ano anterior. O valor de produção de R$ 5,49 bilhões, alta de 9,2%.

Soja – Mato Grosso do Sul ocupa a 5ª posição, com 9% da produção de soja do Brasil, com produção de 12.226.648 milhões de toneladas. Em relação à área plantada e à área colhida, o Estado apresentou o valor de 3,3 milhões de hectares.

Em 1° lugar está Mato Grosso com 35.336.979 milhões de toneladas; em seguida Rio Grande do Sul (20.420.501); Paraná (19.205.802) e Goiás (13.654.117).

Chegando à produção recorde de 1.115.100 de toneladas, Maracaju segue como o maior produtor de soja de Mato Grosso do Sul, com participação estadual de 9,1%. Já alguns dos outros municípios alternam posições no ranking local entre 2020 e 2021. Laguna Carapã sobe da 9ª para a 6ª posição, Chapadão do Sul sai da 11ª para a 8ª posição e Naviraí sai do rol, cedendo espaço para a entrada de Campo Grande na 10ª posição.

Área plantada – A área plantada em Mato Grosso do Sul cresceu 7,5%, equivalente a 6,4 milhões de hectares.

Entre os principais produtos, obtiveram aumento de área plantada as culturas de soja (8,1%), milho (8,9%), cana-de-açúcar (1,0%) e mandioca (9,7%). Por outro lado, houve queda na área plantada do trigo (-3,8%).

Os cinco estados com maior área plantada ou destinada à colheita são: Mato Grosso (17,9 milhões de ha), seguido pelo Paraná (11,1 milhões de ha), Rio Grande do Sul (9,9 milhões de ha), São Paulo (8,8 milhões de ha) e Goiás (7,3 milhões de ha). Mato Grosso do Sul continua a ocupar a 6ª posição em relação à área plantada ou destinada à colheita.

No Estado, Maracaju está no ranking com maior área plantada, em 2021, sendo 565.171 hectares. Em seguida está Ponta Porã com 490.357 hectares.

Já os estados com menor área plantada ou destinada à colheita foram o Acre, com 86 mil hectares, e o Amapá, com 28 mil hectares.

Nos siga no Google Notícias