ACOMPANHE-NOS    
MAIO, QUARTA  12    CAMPO GRANDE 21º

Economia

Programa tira dúvidas de produtores sobre cadastro ambiental obrigatório

Por Caroline Maldonado | 06/12/2015 13:06
Cadastro faz parte de sistema que irá montar um panorama das propriedades rurais do país (Foto: Divulgação/Famasul)
Cadastro faz parte de sistema que irá montar um panorama das propriedades rurais do país (Foto: Divulgação/Famasul)

Apesar de obrigatório, o CAR (Cadastro Ambiental Rural) não foi realizado por mais da metade dos produtores de Mato Grosso do Sul. O prazo inicial era 5 de maio, mas foi prorrogado por mais um ano. Porém, até o mês de outubro de 2015, apenas 27% das propriedades rurais preencheram o cadastro, segundo o último levantamento divulgado pelo MMA (Ministério do Meio Ambiente).

A Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) lançou um programa para tirar dúvidas e incentivar o cadastramento. O Radar Ambiental realiza palestras direcionadas aos sindicatos rurais, treinamentos regionais e tem uma sobre o tema, além de divulgar vídeos educacionais.

A cartilha "Perguntas e Respostas sobre o Novo Código Florestal e o CAR" está disponível no site www.famasul.com.br. O material traz também respostas às dúvidas sobre APP (Área de Preservação Permanente) e sobre áreas de reserva legal. A ideia é evitar que os produtores percam o prazo final para o cadastramento, que 5 de maio de 2016.

Como fazer - O cadastro faz parte de um sistema que irá montar um panorama das propriedades rurais do país. As inscrições podem ser feitas no site do Imasul.

O endereço do portal é www.imasul.ms.gov.br. Ao acessar o site, o produtor deve clicar em “Siriema”, ícone que fica no lado direito do portal. Nesta área, há mais uma sessão identificada como “Siriema”, onde o produtor deve se cadastrar informando dados pessoais ou jurídicos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário