A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

26/02/2016 16:21

Renda per capita do Estado cai no ano e termina 2015 em R$ 1,045

Renata Volpe Haddad
Renda dos trabalhadores sul-mato-grossenses em 2015 foi de R$ 1.045, segundo pesquisa do IBGE. (Foto: Fernando Antunes)Renda dos trabalhadores sul-mato-grossenses em 2015 foi de R$ 1.045, segundo pesquisa do IBGE. (Foto: Fernando Antunes)

Em 2015, a renda per capita do sul-mato-grossense foi de R$ 1.045, conforme levantamento feito pelo Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) e divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), nesta sexta-feira (26).

Em 2014, a renda do trabalhador de Mato Grosso do Sul era de R$ 1.053, o que significa que houve queda de 0,7% em relação a 2015, de acordo com a pesquisa.

Conforme o levantamento, o melhor rendimento domiciliar per capita no ano passado, é o de Brasília com valor de R$ 2.252. São Paulo fica em segundo lugar, sendo que a renda é de R$ 1.482, seguido do Rio Grande do Sul, com rendimento de R$ 1.435.

Ainda segundo a Pnad, o menor rendimento pesquisado foi no Maranhão com valor per capita de R$ 509. Um dos rendimentos mais baixos também foi registrado em Alagoas, sendo R$ 598, Pará com renda de R$ 672 e Ceará R$ 680.

A cada trimestre, a Pnad Contínua levanta informações socioeconômicas em mais de 200 mil domicílios, distribuídos em cerca de 3,5 mil municípios.

Os rendimentos domiciliares são o resultado da soma dos rendimentos, do trabalho e de outras fontes, recebidos por cada morador no mês de referência da entrevista, considerando todos os moradores do domicílio.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions