ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, TERÇA  15    CAMPO GRANDE 16º

Economia

Salário e sustentabilidade vão estar em debate no CREA

Por Redação | 14/05/2010 14:08

As propostas sobre sustentabilidade e piso salarial são os principais assuntos a serem discutidos no Congresso Estadual de Profissionais ligados ao Conselho Regional de Arquitetura de Mato Grosso do Sul - CREA-MS.

Os debates serão em Campo Grande, nos dias 20 e 21 de maio. Antes, acontecem os encontros nos municípios, quando são eleitos delegados para participar da reunião estadual. As propostas serão levadas à discussão no 7º CNP.

Chapadão do Sul, Três Lagoas, Coxim e Corumbá, fazem os encontros regionais a partir de 16 de abril. Hoje é a vez de Dourados, a 230 quilômetros de Campo Grande, onde o desrespeito ao piso da categoria gerou um dos debates mais intensos.

O valor estabelecido em lei para o engenheiro que trabalha oito horas é de nove salários mínimos, no entanto segundo o CREA/MS , muitas são as prefeituras que não cumprem a legislação.

O engenheiro Jary de Carvalho e Castro, presidente do CREA/MS, salienta que o desrespeito a lei pelo poder público causa a migração do profissional para a iniciativa privada.

"Hoje o mercado está aquecido, falta profissional e a iniciativa privada paga salários bem acima do que estabelece o piso", diz.

Segundo Castro, as prefeituras enfrentam cada vez mais os quadros reduzidos e têm dificuldade de conseguir substitutos.

"

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário