A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

02/07/2012 11:36

Sebrae espera atender 3 mil pessoas na 4ª Semana do Empreendedor Individual

Paula Maciulevicius

Para facilitar o acesso, ônibus saem de terminais a cada 45 minutos a partir das 7h, com destino à praça Santo Antônio

Em quatro anos de programa, foram 43 mil formalizações em todo Estado. (Foto: Simão Nogueira)Em quatro anos de programa, foram 43 mil formalizações em todo Estado. (Foto: Simão Nogueira)

O Sebrae abriu nesta manhã a 4ª Semana do Empreendedor Individual na praça Santo Antônio, região central de Campo Grande. Nos quatro anos de implantação, o programa tem no histórico mais de 40 mil formalizações no Estado e 23 mil delas só na Capital.

A expectativa é de atender 3 mil pessoas de hoje até sexta-feira. “O foco é além de formalizar, ver como estão os negócios já formalizados, orientar quanto a sustentabilidade ao longo do tempo”, ressaltou o superintendente do Sebrae, Cláudio Mendonça.

O atendimento é simultâneo em todas as capitais do país e em Mato Grosso do Sul acontece em 11 municípios: Bodoquena, Sonora, Costa Rica, Chapadão do Sul, Bandeirantes, Rio Negro, Inocência, Aparecida do Taboado, Três Lagoas, Amambai e Ponta Porã.

Na Capital, foram disponibilizados ônibus saindo dos terminais: Bandeirantes, Júlio de Castilhos, Morenão e General Osório, a cada 45 minutos a partir das 7h da manhã, para levar os interessados até a praça da igreja Santo Antônio.

Segundo o Sebrae, dos 43 mil formalizados a maioria deles estão nos setores de confecção e serviços. “São pessoas que já faziam, já tinham o trabalho e saíram da informalidade pagando em média R$ 30 para manter a formalidade e ter direito às garantias sociais”, completa Cláudio.

Um dos parceiros desde o início do programa no Estado é o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

“Estamos aqui para atender a população em todos os aspectos.Quem tiver dúvidas sobre aposentadoria, auxílio. Quem for se formalizar sai contribuinte da Previdência Social e pode ter direito aos auxílios na doença, velhice, invalidez, morte e durante a licença maternidade. E ele mesmo, o mais interessado pode fazer isso, eliminando a figura do intermediário”, ressalta o gerente executivo substituto do INSS, Nivaldo Zuardi.

O comerciante Deivimer Nery, 32 anos, estava aguardando a vez chegar para receber o primeiro atendimento. Hoje ele foi a procura de orientações para se formalizar e abrir a firma de conserto de óculos.

“Já trabalho há seis meses, mas quero abrir firma. Um colega meu entrou para o programa e ajudou bastante, então eu vim ver. É uma oportunidade da pessoa abrir o negócio e crescer”, observou.

O atendimento está sendo realizado das 8h às 17h, sem interrupção para horário de almoço, na rua Calógeras, esquina com a 15 de Novembro, na praça da igreja Santo Antônio, em Campo Grande.

Procon da Capital abre campanha para orientar comércio e consumidor no Natal
O Procon (Subsecretaria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Campo Grande dá início nesta segunda-feira (18) a uma semana de orientação e atendimen...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions