A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 26 de Maio de 2018

11/02/2009 12:47

Seguro-desemprego será ampliado de 5 para 7 parcelas

Redação

O limite máximo do seguro-desemprego deve ser ampliado de cinco para sete parcelas. A confirmação foi feita nesta quarta-feira pelo ministro do Trabalho, Carlos Lupi.

De acordo com o ministro, o Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) deve aprovar a medida na reunião de hoje.

Lupi explicou que a ampliação do seguro-desemprego valerá apenas para alguns setores comprometidos com medidas para enfrentar a crise financeira internacional.

A siderurgia é um desses setores. Lupi informou que até o fim do mês o ministério vai definir os setores que serão contemplados com a medida.

A parcela do seguro-desemprego varia de R$ 465,00 a R$ 870,01. A média é de R$ 595,20. A parcela é calculada com base no salário do emprego mais recente.

O ministro admitiu que, se houver um agravamento da crise, o governo poderá aumentar o número de parcelas para dez e disse que essa medida viria por MP (Medida Provisória).

Agricultura em MS

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions