A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

16/03/2011 11:42

Sete em cada dez brasileiros desaprovam volta da CPMF, mostra pesquisa

Daniel Lima, da Agência Brasil

A volta da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) para financiar a saúde tem a reprovação de 72% dos brasileiros, indica pesquisa divulgada hoje (16) pela Confederação Nacional da Indústria.

Vinte por cento dos entrevistados são a favor e 7% não sabem ou não responderam.

Entre os entrevistados, 81% concordam total ou parcialmente que, considerando o valor dos impostos, a qualidade dos serviços públicos deveria ser melhor no Brasil.

De acordo com a CNI a opinião é mais frequente quanto maior o nível de renda familiar do entrevistado.

Foram entrevistadas 2.002 pessoas, em 140 municípios, entre os dias 4 e 7 de dezembro de 2010.

Procon da Capital abre campanha para orientar comércio e consumidor no Natal
O Procon (Subsecretaria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Campo Grande dá início nesta segunda-feira (18) a uma semana de orientação e atendimen...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...


Os brasileiros, não podem permitir o retorno desse imposto(CPMF).Sinceramente, não vi nenhuma melhoria na saúde,quando o tal CPMF estava em vigor.Logicamente o bolso do trabalhador esvaziava a cada dia, e dos pilantras lá de cima, enriquecia ainda mais.
 
neide de oliveira em 16/03/2011 09:31:13
Como tem banqueiro nesse país.
Pensei que eram menos, mas quando li o resultado da pesquisa ai em cima, fiquei sabendo que são 20% dos entrevistados. Somente sendo banqueiro para votar a favor da volta de um Imposto draconiano como essa tal CPMF.
 
Márcio Fontoura Corrêa em 16/03/2011 04:26:02
Me causa estranheza saber que 21% da população concorda com a volta da CPMF com este nível de serviço que o governo presta a nós.
A saúde, educação, segurança, transporte e moradia não deve ser problema para esta fatia da população, tampouco devem estar incomodados em trabalhar quase 5 meses no ano para pagar os impostos atuais.
Francamente!
 
Gerson Eli Santos em 16/03/2011 01:38:07
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions