A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Novembro de 2017

23/02/2017 16:01

Taxa de desemprego cresce 2,2% em um ano no Estado, segundo pesquisa

Renata Volpe Haddad
No fim do ano passado, MS tinha 112 mil desempregados. (Foto: Pedro Peralta)No fim do ano passado, MS tinha 112 mil desempregados. (Foto: Pedro Peralta)

A taxa de desemprego em Mato Grosso do Sul cresceu 2,2%, no 4º trimestre do ano passado, se os dados forem comparados com o mesmo período de 2015. Os números são ainda maiores em relação a quantidade de pessoas desempregadas: 42%. A PNAD (Pesquisa Nacional por Amostras de Domicílio Contínua) foi divulgada nesta quinta-feira (23) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

No Estado, 8,2% da população com idade para trabalhar perderam os empregos em outubro, novembro e dezembro de 2016. Isso significa 112 mil pessoas desempregadas. Em relação a 2015, a quantidade de desempregados cresceu 42%. Há dois anos, em outubro, novembro e dezembro, eram 79 mil pessoas sem empregos em MS.

Em comparação com o 3º trimestre de 2016, que foram os meses de julho, agosto e setembro, o crescimento de desemprego foi de 0,5% em relação ao último trimestre. Na época, eram 104 mil desempregados em Mato Grosso do Sul.

Com isso, o nível de pessoas empregadas caiu 1,3% em relação ao mesmo período de 2015. Enquanto o desemprego aumenta rapidamente, o número de pessoas ocupadas cresce de forma lenta.

Houve aumento de 1,2% na quantidade de pessoas que entraram no mercado de trabalho em outubro, novembro e dezembro do ano passado, quando 1.263 trabalhadores tiveram a carteira assinada. Se for comparar com o 3º trimestre de 2016, que abrange julho, agosto e setembro, eram 1.253 pessoas que conseguiram emprego na época.

Em contrapartida, a quantidade de pessoas aptas a trabalhar no Estado cresceu 3,4% no último trimestre do ano passado em relação a mesma data de 2015, onde haviam 2.035 cidadãos aptos para trabalhar, subindo para 2.103 no fim do ano passado.

Outro número que chama a atenção é dos trabalhadores por conta própria que apresentou queda de 10,3% em um ano. Em outubro, novembro e dezembro de 2015, eram 279 mil trabalhadores nesta situação e em 2016, esse número caiu para 250 mil.

Desemprego desacelara, e MS cria mais 1.077 vagas de trabalho em agosto
Mato Grosso do Sul abriu 1.077 empregos formais a mais no mês de agosto -equivalentes ao acréscimo de 0,21% -, em relação ao estoque de assalariados ...
Governo vai injetar R$ 11,6 mi para combater desemprego no Estado
O governo de Mato Grosso do Sul publicou no Diário Oficial do Estado, nesta sexta-feira (23), suplementação de crédito de aproximadamente R$ 13,2 mil...
Desemprego em MS aumenta, mas amparo da União é cada vez menor
Foram registrados mais de 104 mil demissões em Mato Grosso do Sul, apenas no primeiro trimestre do ano. Consequência do número alto de trabalhadores ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions