A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

17/11/2009 13:30

Associação libanesa promete maior festa árabe do Estado

Redação

A Associação Cultural Monte Líbano promete a maior festa árabe de Mato Grosso do Sul, em comemoração aos 130 anos de imigração Libanesa no Brasil, em evento que será realizado no próximo sábado (21), às 21h30, no Golden Class, em Campo Grande.

Na ocasião, será oferecido um jantar que irá contar com a presença de músicos libaneses e diversas apresentações culturais. Os organizadores apostam nas danças folclóricas como atração principal da noite. Além da imigração, os libaneses irão comemorar os 66 anos da independência do Líbano.

O diretor da Associação que organiza o evento, Munir Sayegh, esteve no Campo Grande News nesta manhã, para detalhar como serão feitas as comemorações pelos 130 anos da imigração.

Ele explica que desde o inicio deste ano estão sendo realizadas atividades especiais por conta da data, como eventos na Praça República do Líbano, no bairro Monte Líbano.

O evento principal, contudo, é o jantar do próximo dia 21 de novembro, que pretende reunir 1.000 pessoas. "Vai ser a maior festa que a comunidade libanesa já viu aqui em Campo Grande", garante Sayegh.

O convite para o jantar, com buffet e bebidas inclusos, custa R$ 100,00 por pessoa. Informações e reservas de mesas podem ser feitas pelos telefones (67) 3382-3015 e 9984-1122.

Homenagem - A Assembleia Legislativa de MS também irá homenagear a imigração libanesa, em sessão solene que será na próxima quinta-feira (19). Na ocasião, será entregue o prêmio 'Independência do Líbano'.

Pelo deputado Youssif Domingos (PMDB), serão homenageados Aniz Rasslan, Abdallad Georges Sleiman, Nelly Maksoud Rahe, Nazih El Kadri e Wilson Baruki.

Pelo deputado Marquinhos Trad (PMDB), serão homenageados Gerson Gattas Orro de Campos, Jean Taliba, Munir Sayegh e Riad Emilio Gaddi.

O deputado federal Nelson Trad (PMDB) irá receber uma homenagem especial.

Histórico - A imigração libanesa no Brasil teve início no século 19, em meados de 1880. Ao contrário de estrangeiros que vieram ao País cultivar terras, os libaneses se empenharam em desenvolver atividades comerciais em território brasileiro.

Em Mato Grosso do Sul, eles chegaram a pelo menos cem anos e são um dos povos mais importantes no que diz respeito ao desenvolvimento cultural do Estado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions