A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2019

18/08/2010 06:07

Cabeça a prêmio estréia e faz mosaico de MS

Redação

A Feira Central, os contornos da Afonso Pena, bares da rodoviária velha, Bonito, Sidrolândia, o Pantanal e sua morraria ao fundo, as escadarias de Corumbá. Na tela do cinema, o que chega a ser corriqueiro ganha novas cores.

Lançado em pré-estréia nacional na noite de ontem na Capital, "Cabeça a Prêmio", longa metragem dirigido por Marco Ricca e rodado aqui, em Mato Grosso do Sul, apresenta cenários e gentes que formam a essência cultural do Estado, mas reforça um problema crônico, o tráfico de drogas..

Os cenários apenas acentuam a vida e o perfil dos personagens que compõem a trama. Na tela, até a poeira dos caminhos de Mato Grosso do Sul é familiar. Castelhano com português, mansões em fazendas e botecos de chão batido. Nos contrastes a alma de cada personagem se revela em um filme intenso, forte, que surpreende.

Cabeça a Prêmio marca a estréia de Marco Ricca na direção de um longa. "Era para ser aqui. Foi como uma visão. Tenho um irmão que morou aqui, já fiz teatro aqui também e fiquei louco quando conheci. Foi o lugar em que bateu o estalo. A capacidade de Mato Grosso do Sul era inegável e a mistura de culturas e de cenários é fascinante", revelou.

O longa metragem foi filmada entre Campo Grande, Corumbá, Sidrolândia e na fronteira com a Bolívia. Os planos abertos e a fotografia bem estudada acentuam a força de cada um dos personagens, que ganham em densidade e humanidade, apesar das contradições e desconstruções vividas por cada um deles ao longo do filme.

A história de amor de Elaine (Alice Braga) e Denis (Daniel Hendler, ator uruguaio) é o pano de fundo da trama. Ela, filha do fazendeiro Miro (Fulvio Stefanini) que controla junto com o irmão Abílio (Otávio Muller) uma rede de tráfico de drogas; ele, piloto do avião dos negócios da família. Jogados à própria sorte, se vêem envolvidos no jogo sujo do crime.

O filme é baseado no livro homônimo de Marçal Aquino. O romance já era um roteiro pronto, mas que foi adaptado para os personagens e para as locações. O texto final recebeu um pouco do perfil de cada um deles.

Criança de 3 anos que se afogou em piscina melhora em hospital
A menina de três anos que chegou à Santa Casa em estado grave depois de se afogar em uma piscina na tarde de domingo (20), apresentou melhora e não p...
Maioria concorda com demarcações sob o crivo do Ministério da Agricultura
Você concorda que a demarcação de terras seja responsabilidade do Ministério da Agricultura? Foi esta a pergunta feita pelo Campo Grande News nesta s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions