A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/04/2009 08:27

Escola terena faz 10 anos e o mérito é de aldeia urbana

Redação

Criada com apenas duas salas para atender as crianças da primeira aldeia urbana de Campo Grande, ao completar 10 anos a Escola Municipal Sulivan Silvestre contribui hoje também para formação de alunos não-índios, invertendo o caminho da inclusão.

Em uma das regiões consideradas mais violentos da cidade, a do Tiradentes, a maior lição que os educadores pretendem repassar é a da tolerância, do respeito à diferença, como um remédio contra o preconceito. A idéia é mostrar como é rico para uma sociedade conviver com tamanho "colorido" cultural.

Tudo que envolve a comunidade Marçal de Souza, nome referência ao líder guarani assassinado por fazendeiros, tem como peso a inovação.

Foi a primeira aldeia urbana, tem a primeira escola indígena urbana e a primeira cacique mulher do País. Na escola, esses fatos são exibidos como motivo de orgulho, mais um incentivo à auto-estima na busca por perpetuar a cultura do povo terena, etnia que forma a comunidade.

A diretora Lucimar Trindade Azevedo Marques, conta que os trabalhos desenvolvidos pela escola têm sempre como objetivo valorizar a cultura indígena. Exemplo disso é a feira indígena que as crianças promovem todos os anos, como tradição e forma de divulgar os costumes dos terena.

São mais de 400 alunos matriculados, mas apenas 21% são de origem indígena hoje. Mas o diferencial são os projetos de valorização da cultura. Um deles é de ensino da língua terena, que pode dar origem a um pequeno dicionário feito pelos alunos.

Responsável pela escola, Lucimar explica que a prática é importante porque as crianças indígenas que nascem na cidade não têm o mesmo contato com as tradições que aquelas que nascem nas aldeias.

O que os terena querem mostrar é que o índio não deixa de ser índio quando resolve viver em território urbano.

Assim, o trabalho desenvolvido pela escola ajuda a reviver as tradições, e ensinar as crianças desde pequenas quais são suas origens, aprendendo danças, crenças e idioma. "

Carro roubado no Rio de Janeiro é recuperado em estrada de acesso ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions