ACOMPANHE-NOS    
JULHO, TERÇA  07    CAMPO GRANDE 19º

Esportes

Após corte, atleta de MS é contemplado com incentivo de R$ 15 mil por mês

Yeltsin Ortega foi contemplado com benefício do programa Bolsa Atleta para competidores de alto desempenho

Por Gabriel Neris | 01/01/2019 19:17
Yeltsin foi contemplado com bolsa devido aos bons resultados obtidos no atletismo. (Foto: Divulgação)
Yeltsin foi contemplado com bolsa devido aos bons resultados obtidos no atletismo. (Foto: Divulgação)

O paratleta Yeltsin Jacques Ortega foi contemplado no programa Bolsa-Atleta na categoria Atleta Pódio. O campo-grandense deve receber benefício de R$ 15 mil por mês, conforme portaria publicada na edição de segunda-feira (31) do Diário Oficial da União.

Além de Ortega, outros nomes foram anunciados no Atleta Pódio: Fernanda Berti (vôlei de praia), Petrucio Ferreira dos Santos (atletismo paraolímpico), Vitor Antonio de Jesus (atletismo paraolímpico), Washington Assis Junior (atletismo paraolímpico), Nubia Aparecida Soares (atletismo) e Jorge João Zarif (vela).

Na última sexta-feira o governo federal havia publicado a lista de atletas contemplados pelo Bolsa-Atleta. Em comparação com o ano anterior, o número de atletas de Mato Grosso do Sul beneficiados com o programa caiu 60%, principalmente após os cortes nas categorias de base.

O Estado contará somente com 35 atletas que receberão entre R$ 925 e R$ 3.100 por mês no próximo ano. A única atleta do Estado na categoria Olímpica/Paralímpica foi Michele Aparecida Ferreira, que disputa o judô de cegos.

O nome de Yeltsin já constava entre os beneficiados da categoria Internacional. Entre suas conquistas estão o ouro nas provas de 1.500 m e 5 mil m no Parapan-Americanos de 2015, em Toronto, e a prata obtida no Mundial Paralímpico, em Lyon.