A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

29/07/2016 15:23

Canoísta do MS está fora dos Jogos Paralímpicos por problemas cardíacos

Fernando “Cowboy” Rufino era uma das promessas de medalha para o Brasil

Chloé Pinheiro
O atleta é apelidado de Cowboy e pratica o esporte há cerca de cinco anos. (Foto: Reprodução/Facebook)O atleta é apelidado de Cowboy e pratica o esporte há cerca de cinco anos. (Foto: Reprodução/Facebook)

A Confederação Brasileira de Canoagem anunciou nesta sexta-feira (29) que o canoísta Fernando Rufino, o Cowboy, não participará dos Jogos Paralímpicos 2016, que começam dia 07 de setembro no Rio de Janeiro. O atleta de 31 anos, que nasceu em Eldorado mas viveu a maior parte da vida em Itaquiraí, foi diagnosticado nessa semana com um problema cardíaco que impede a prática de esportes de alto rendimento.

Segundo o presidente da Federação de Canoagem do Mato Grosso do Sul, Admir Arantes Sobrinho, o atleta tinha problemas respiratórios desde que havia participado do Campeonato Brasileiro e fazia um treinamento específico para aumentar sua capacidade.

“Ele descobriu em março que, além do déficit respiratório, tinha também alterações na pressão e deixou de competir no Mundial para estar apto para as Paralimpíadas”, conta Sobrinho. Mesmo com o esforço, o desempenho nos testes dessa semana e o novo diagnóstico barraram a participação de Cowboy nos Jogos.

A situação é complicada, mas não parece o fim da linha para o atleta, que disputa a canoagem na categoria KL2, para competidores com mobilidade reduzida no tronco e nos membros inferiores. “Ele já foi peão aqui no estado e passou por situações difíceis ao longo da vida. Para quem montou um boi, montar um caiaque é simples”, anima-se Admir, que está confiante na recuperação. “Até raio já caiu nele, acredito que não é isso que vai pará-lo”.

Procurado pela reportagem, o atleta afirmou que só dará entrevistas sobre o caso na segunda-feira. A delegação brasileira da modalidade conta ainda com outra representante do Estado, a jovem Débora Raíssa, campo-grandense que pilotará um caiaque no Rio.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions