A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 16 de Novembro de 2018

10/03/2016 20:31

Com uma vitória em cinco jogos, Calonga pede demissão do Corumbaense

Nyelder Rodrigues

Após empatar em 1 a 1 com o Aquidauanense em Campo Grande, nessa quinta-feira (10), o Corumbaense está sem treinador. Gilmar Calonga, que venceu o Estadual de 2015 com o Comercial e assumiu o Galo pantaneiro nessa temporada, pediu demissão do clube.

"Pra mim, já deu. Conversei com o fisioterapeuta e pedi para o presidente me ligar para entregar meu cargo. Vou voltar para casa e depois ver o que vai acontecer”, desabafou o treinador ao jornal Diário Corumbaense após a derrota.

O duelo entre Aquidauanense e Corumbaense, de mando do clube de Aquidauana, foi realizado em Campo Grande pois o estádio Noroeste não possui os laudos exigidos para receber partidas profissionais e foi barrado da competição.

Em cinco jogos do primeiro turno, Gilmar Calonga conseguiu apenas uma vitória. Contudo, também perdeu um único jogo, empatando outros três. Os seis pontos somados no campeonato garantem a 4ª posição do Grupo B. O time já fez seis gols e sofreu cinco.

A campanha de Calonga no Corumbaense é semelhante a de Tiago Batizoco no Comercial e Ronildo Rocha no Novoperário, pelo Grupo A. Ambos somaram seis pontos no Estadual e venceram apenas uma vez nesse primeiro turno.

Jogo de hoje - O empate em 1 a 1 foi construído com Diego Pinhé abrindo o placar aos 11 minutos do primeiro tempo. Aos 29 do segundo tempo Adriano Chuva igualou o marcador em uma cobrança de pênalti.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions