A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

26/01/2011 15:11

Comerário “oficial” volta ao Morenão e abre Estadual 2011

Marcio Breda
Última partida entre rivais aconteceu em junho de 2008. Foto: Raul FotógrafoÚltima partida entre rivais aconteceu em junho de 2008. Foto: Raul Fotógrafo

O primeiro clássico entre Operário e Comercial depois de mais de dois anos de jejum já tem data e local definidos: dia 12 de março (sábado), às 19 horas, no Morenão, na rodada de abertura do Estadual 2011.

O Comerário deste ano acontece após duas temporadas que separaram os destinos de Comercial e Operário. O primeiro se sagrou campeão estadual em 2010 e o segundo retorna do pesadelo da segunda divisão.

Porém, a última partida oficial entre as equipes, disputada em 4 de junho de 2008 pela sétima rodada do Campeonato Sul-Mato-Grossense, acabou em vitória para o Galo: 2 a 0 sobre o Colorado.

Ao todo os dois maiores vencedores de campeonatos estaduais disputaram 181 partidas profissionais, com 68 vitórias do Operário, 47 vitórias do Comercial e 66 empates. O maior público já registrado em um Comerário foi em 11 de agosto de 1974, jogo válido pela Taça Campo Grande. Prestigiaram a partida 23.267 pagantes.

Tabela- O destino parece ter dado uma “mãozinha” para que o Comerário retornasse este ano ao Morenão. Com a desistência do Costa Rica, o Operário, terceiro colocado da Série B de 2010, ganhou o direito de participar da Série A.

Como entra no lugar do Costa Rica na tabela já divulgada pela Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul, herda também os adversários do grupo. E o primeiro deles é o maior rival, o Comercial.

Dividido em 16 clubes, o Estadual deste ano possui dois grupos divididos por regiões. No A estão times fortes do interior: Sete de Setembro, Águia Negra, Ivinhema, Naviraiense, Itaporã, Ponta Porã (campeão da Série B), Urso de Mundo Novo e Corumbaense.

No grupo B jogam Cene, Comercial, MS Saad e Operário, da Capital, além de Rio Verde, Chapadão do Sul, Maracaju e Aquidauanense.

Comerário resiste em trabalho e esperança de crianças
São quase quatro anos sem um clássico de verdade, disputado em uma competição oficial e com atletas de carreira. O Comerário, que sumiu dos gramados,...
Galo não tem time para Comerário até 2020, diz Comercial
Colocando mais lenha na fogueira da rivalidade entre Comercial e Operário, que mantém a disputa viva mesmo fora de campo, a diretoria do Colorado afi...
Ameaçada, Copa MS adia tradicional Comerário para 2012
Com a confirmação da diretoria do Comercial de não participar da Copa MS, torneio que a Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul tenta organizar pa...
Equipes empatam em 0 a 0 em jogo do clássico Comerário
Cerca de 300 pessoas acompanharam hoje, no Estádio Morenão, o clássico Comerário, partida entre os times Comercial e Operário. As duas equipes não sa...


Os nossos fregueses aí do lobo colorado, ja estão morrendo de medo, bem antes de começar o campeonato????? o que é isso ?? vcs ja estão acostumados e levar chumbo do galo, sempre perderam, e não vai ser agora diferente. Vão tomando (maracugina) calmante pra sentirem menos as esporadas do glorioso galo .
Mas fiquem tranquilos, os fregueses qto mais antigos, mais tem razão.
abraço
Caio
 
Caio Cezar Nogueira em 27/01/2011 08:30:54
O maior clássico do nosso futebol voltou! E ainda irá abrir o nosso campeonato,e mesmo assim a midia televisiva não ajuda nem um pouco, prefere passar ao vivo taça fraudinha de futebol de salão... Um a cara que se diz Comercialino, patrocina futebol feminino do Santos...Assim o nosso futebol não vai para frente de jeito nenhum!!! Sou Operariano, vou ao estádio e claro não vou faltar, mas mesmo sem o apoio da mídia está na hora dessa, que a maior torcida do estado comparecer ao estádio. Parabéns a Garra que faz uma linda festa toda vez que o Galo joga no Morenão!!!

Estou torcendo para que o Galo nesse retorno cante mais alto.

Garra, Amor e Tradição.

 
Taynã Gonçalves em 27/01/2011 03:54:26
Qual o Adversário do Comercial na Abertura do Estadual 2011?
Vamos tentar entender Torcedor Colorado, foi anunciado que o Comercial fará a abertura do campeonato com o time do "Operário", eis a questão; qual Operário? do ex- jogador Celso? Pelo que sabemos o mesmo não inscreveu o time no Estadual 2011 e só ele pode fazer isso já que a marca e tudo que tiver vinculada a ela é do ex-jogador. Agora estão trazendo o terceiro colocado da Serie "B"um time sem nome para disputar o Estadual usando a marca do ex- jogador e isso é ilegal. Sabemos que o Operário classificou em terceiro e com a desistência do Costa Rica teria o direito de ingressar na Serie 'A' 2011 se a Justiça do Trabalho não tivesse dado ganho de causa ao ex- jogador logo após o final da serie "B" 2010, sendo assim a diretoria em exercício ficou sem a marca, e teria que imediatamente dar um novo nome ao time, ex: Operário 1/ Saudoso Operário etc. . . e filiar-se FFMS e CBF e automaticamente como filiado poderia disputar a Serie "B" deste ano com um novo nome. A vaga que esta sendo dado ao time que se diz chamar Operário pertence ao quarto colocado da Serie "B" de 2010 já que o Operário é uma marca particular e não ta inscrita na FFMS e CBF. O ex- presidente do Operário (estamos dizendo ex porque o dono do Operário não nomeou nenhuma diretoria ) Tony Vieira disse o seguinte: é impossível alienar o nome do Galo, já que cerca de cem times compartilham o mesmo nome. Além disso, segundo Vieira, o escudo do time é uma marca de domínio público, impossível de ser registrada no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e, conseqüentemente, de ser alienada. Não concordamos se os cem time do qual ele fala não fossem diferente, pois é vinculado ao um Estado, Cidade e Federação time como: Corinthians que de tem uma imensa massa de torcedores estaria perdido pois os outros Corinthians espalhado pelo Brasil poderia explorar a marca Corinthians Paulista só pelo fato de ter em comum o mesmo nome. A Torcida Campeã Lobo Colorado pede a FFMS pela moralização do nosso futebol que de a vaga na serie "A" 2011 a quem de direito, o quarto colocado da serie "B" 2010 o Time do SIDROLANDIA. Esperamos também que o ex-jogador Celso preserve a história do Operário e intervenha em pró do nosso futebol impedindo que usem o marca Operário indevidamente.
Torcida Lobo Colorado
 
Lobo Colorado em 26/01/2011 11:04:51
Fico feliz em saber que os comerarios voltaram, mas infelismente o meu cene, nao vai perdoar, vai detonar todos.
 
Daniel Pereira Barreto em 26/01/2011 06:21:38
Não creio que só o retorno do Operário ao campeonato estadual, seja motivo de glória. Já é um começo, mas, penso que o que importa mesmo, é a montagem de um time competitivo e à altura da torcida, que está inerte esperando uma oportunidade para gritar o nome do time. Como está o time? Qual as expectativas? Quais as contratações? Quem dirige o time? Tem chance de voltar ao topo? São perguntas que ficam sem respostas, pois, o torcedor realmente não sabe o que se esconde por trás da derrocada do maior time de futebol que este Estado já presenciou...
 
Hélio da Rosa Machado em 26/01/2011 05:47:33
Me desculpe Sr. Luizio Espinoza, mais patrocinar a Federação de Futebol com o Cezário como presidente é a mesma coisa que jogar uma ovelha num covil de lobos. O cara que acabou com nosso futebol e se ele continuar lá nem JESUS CRISTO ressucita o tão glorioso futebol de décadas passadas.
 
Ruymar Douglas em 26/01/2011 05:42:27
Foi uma ótima oportunidade para o Operário e nós torcedores.
O futebol sulmatogrosense precisa se levantar e participar de algo nacional.
O Campograndense tem que valorizar o que é nosso e não ficar torcendo para time de fora como se estivesse enganando a se mesmo.
Boa sorte ao Operário.
 
luiz alves pereira em 26/01/2011 05:32:20
O auge do futebol Sul-Matogrossenes está atrelado ao Comerário nos anos 70 e 80. Não vejo outra possibilidade de ressuscitar nosso pobre futebol, senão, o retorno desta gostosa rivalidade. Desculpem-me, mas o Cene, com toda a estrutura que possui, até agora, e tenho convicção, que nunca conseguirá , elevar o nome do Estado e ser o orgulho de nossa cidade. Falta tradição, torcida e transparência.
 
Cleber Sérgio Vargas Pereira em 26/01/2011 05:31:37
Vou torcer para que um dia, o nosso estado tenha um governo que envista
no esporte, e patrocine a Federação de esportes, para que nenhum clube tenha
que desistir por falta de patrocínio e possa retribuir com o espetáculo e a maior
paixão do brasileiro que é o futebol. Mas enquanto isso não acontece, temos que
contentar daqueles que se aproveitam e entram pela janela.
 
luizio espinoza em 26/01/2011 05:13:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions