A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

01/08/2015 17:19

Comercial perde em casa para a Caldense e fica em situação difícil

Paulo Nonato de Souza
Derrota em casa para a Caldense deixa o Comercial (de branco) em situação complicada no Grupo A5 da Série D do Campeonato Brasileiro (Foto: Vanessa Tamires)Derrota em casa para a Caldense deixa o Comercial (de branco) em situação complicada no Grupo A5 da Série D do Campeonato Brasileiro (Foto: Vanessa Tamires)

Quem não faz toma, toma. O velho ditado do futebol prevaleceu esta tarde na derrota do Esporte Clube Comercial para a Associação Atlética Caldense, de Poços de Caldas (MG), por 1 a 0, no Estádio Jacques da Luz, no bairro Moreninhas, em Campo Grande, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série D.

A história se repetiu. Mais uma vez o time campo-grandense chegou inúmeras vezes até a entrada da área sem conseguir finalizar para gol, e quando finalizou o tiro saiu sem direção. O Comercial dominou a Caldense durante todo o primeiro tempo e não soube traduzir isso em gol para garantir o resultado. No segundo tempo, o time mineiro fez 1 a 0 logo aos 5 minutos com o zagueiro Thiago Bernardi, de cabeça.

Em vantagem no placar, a Caldense passou a administrar o resultado diante do desespero comercialino. O treinador Gilmar Calonga tentou dar mais ofensividade ao time colocando em campo o atacante Michel no lugar do meia Julio Cesar, mas o resultado da mudança foi o pior possível. Num lance infantil no meio de campo, Michel acabou expulso de campo após dividida normal no meio de campo. Tanto que a jogada seguiu, mesmo com toda a encenação do jogador do time mineiro, Michel levou cartão vermelho por reclamação com menos de um minuto em campo.

Com um jogador a menos e em desvantagem no placar, o Comercial melhorou de produção, teve chances de empatar e até virar, mas seguiu pecando nas finalizações. Foi a segunda derrota do time campo-grandense em três jogos na competição. Agora são duas derrotas, um empate e apenas um ponto ganho.

A Caldense teve uma torcida particular no Estádio Jacques da Luz. Familiares do atacante campo-grandense Careca foram ao jogo apoiar o jogador, que não fez gol mas ajudou a segurar os zagueiros do Comercial na defesa. Durante a partida o grito que mais se ouviu nas arquibancadas foi o de "Caldense, Caldense, Caldense..." O time mineiro chegou foi a 10 pontos ganhos em quatro jogos e permanece na liderança do Grupo A5. O jogo teve 473 pagantes com renda de R$ 6.375,00.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions