ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 33º

Esportes

Dia de jogo da seleção deixa ruas da Capital com cara de feriado

Ruas estão praticamente desertas, salvo por aqueles que vão assistir a partida no serviço ou estão indo para casa de parentes e amigos.

Por Ricardo Campos Jr. e Miriam Machado | 22/06/2018 07:40
Afonso Pena vazia às 7h30 desta sexta, dia de jogo da seleção (Foto: Marina Pacheco)
Afonso Pena vazia às 7h30 desta sexta, dia de jogo da seleção (Foto: Marina Pacheco)

Vias de acesso em áreas residenciais de Campo Grande amanheceram vazias nesta sexta-feira (22), provavelmente em função do segundo jogo do Brasil na Copa do Mundo. Nesses locais, o movimento de trabalhadores a caminho do serviço é intenso logo nas primeiras horas do dia, mas hoje muitos estão em clima de feriado, pelo menos durante a manhã, para acompanhar a partida.

Na Avenida Três Barras, por exemplo, normalmente o trânsito está a todo o vapor perto das 7h e não são raras ocasiões em que semáforos e os trechos mais estreitos são sinônimo de dor de cabeça para quem corre o risco de chegar atrasado.

Hoje, contudo, os poucos que encaravam o trânsito devem assistir o jogo no trabalho ou já estavam a caminho da casa de parentes e amigos para o “esquenta” antes da partida.

Até na Avenida Afonso Pena, uma das mais movimentadas da Capital, o trânsito está abaixo do normal nesta sexta-feira. Em alguns momentos o fluxo de veículos aumenta e em outros, esvazia.

Rua 13 de Maio sem o tráfego de veículos normalmente observado em dias normais (Foto: Marina Pacheco)
Rua 13 de Maio sem o tráfego de veículos normalmente observado em dias normais (Foto: Marina Pacheco)

Estão igualmente com menos movimentação que o normal as Ruas 15 de Novembro, 14 de Julho, 13 de Maio e 26 de Agosto, na região central.

O jogo começa logo mais, às 8h no horário de Mato Grosso do Sul. A seleção enfrenta a Costa Rica na segunda rodada da fase de grupos. Depois do empate contra a Suíça, somente a vitória deixará o time em uma situação mais confortável na chave.