ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  01    CAMPO GRANDE 17º

Esportes

Dois atletas de MS são convocados para a seletiva de Mundial Sub-19

Disputa por vaga acontecerá em Saquarema (RJ), enquanto o torneio internacional será na Tailândia

Por Nyelder Rodrigues | 24/06/2021 18:35
Atletas de MS são convocados para a disputa de seletiva em Saquarema, no Rio de Janeiro (Foto: Arquivo/CBV)
Atletas de MS são convocados para a disputa de seletiva em Saquarema, no Rio de Janeiro (Foto: Arquivo/CBV)

Dois atletas de Mato Grossodo Sul foram convocados para participar da seletiva para o Campeonato Mundial de Vôlei de Praia Sub-19, com a disputa por vagas acontecendo entre a próxima segunda-feira (28) e o dia 4 de julho. O evento é realizado integralmente pela CBV (Confederação Brasileira de Voleibol).

O local da disputa é Centro de Desenvolvimento de Voleibol, em Saquarema, município localizado na Região dos Lagos, no Estado do Rio de Janeiro. Já o mundial será disputado em Roi Et, na Tailândia, de 14 a 19 de setembro. A competição é organizada FIVB (Federação Internacional de Voleibol).

Na categoria masculina, o convocado de Mato Grosso do Sul é o atleta Carlos Eduardo Dias Vidal, o Cadu, que foi chamado ao lado de outros nove jogadores para a seletiva. Campo-grandense, ele é um dos 240 contemplados pelo Bolsa Atleta estadual.

Cadu, ao lado de Anthony Cáceres, o Tonny, foi campeão da primeira etapa do Circuito Brasileiro Sub-19 de vôlei de praia, realizada em Maceió (AL). A dupla, hoje, lidera o ranking do Circuito na categoria.

Já pelo feminino, Renata Conceição Correa, mais conhecida como Renatinha, representará Mato Grosso do Sul na seletiva e brigará com outras sete atletas por vaga no selecionado brasileiro rumo à Tailândia em setembro.

Para viajarem ao Rio de Janeiro, os atletas foram submetidos a teste de covid RT-PCR. Seus resultados deram negativos e eles foram liberados. Segundo a CBV, todos os envolvidos na seletiva nacional foram testados e o evento no complexo em Saquarema estará em conformidade aos protocolos de biossegurança.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário