A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/02/2015 10:11

Federação convoca Conselho Arbitral para discutir falta de médico no Estadual

Paulo Nonato de Souza

A falta de médico credenciado pelo CRM (Conselho Regional de Medicina) no jogo entre Ivinhema e Ubiratan de Dourados, no Estádio Andradão, em Nova Andradina, e o atraso de 30 minutos na chegada de ambulância para o jogo entre Sete de Setembro e Corumbaense, no Estádio Douradão, em Dourados, levaram a Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS) a convocar os 12 clubes participantes do Estadual 2015 para um Conselho Arbitral nesta terça-feira, às 10 horas, em primeira convocação.

De acordo com a FFMS, a presença dos representantes legais dos clubes será obrigatória, dada a importância da reunião que irá discutir o andamento do campeonato. A não presença dos dirigentes em sua totalidade (12) até às 10 horas, a reunião irá acontecer a partir das 11 horas, em segunda convocação, conforme a lista de presenças na sede da entidade.

O regulamento do campeonato diz que nenhum jogo pode ser iniciado sem que uma ambulância equipada e paramentada, com médico devidamente credenciado pelo Conselho Regional de Medicina, esteja estacionada dentro do estádio.

Segundo o Ubiratan de Dourados, não foi isso o que aconteceu no jogo com o Ivinhema, nesta domingo no Estádio Andradão, em Nova Andradina.

Em nota enviada à imprensa a diretoria do clube alega que não havia um médico com CRM e o árbitro da partida, Paulo Henrique Salmázio, aceitou o descumprimento do regulamento do campeonato por parte do Ivinhema, na qualidade de mandante.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions