A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

16/07/2014 16:19

Itaporã não se intimida, sonha alto e aposta em classificação inédita na série D

Helton Verão
Com grupo quase fechado, Itaporã quer vitória em todos jogos em casa e somar ao menos seis pontos fora Com grupo quase fechado, Itaporã quer vitória em todos jogos em casa e somar ao menos seis pontos fora
Comandante Rafaine durante treino no estádio Douradão Comandante Rafaine durante treino no estádio Douradão
A estreia do nosso representante acontece é contra a Anapolina, no domingo, às 16 horas (de MS), no Douradão.
A estreia do nosso representante acontece é contra a Anapolina, no domingo, às 16 horas (de MS), no Douradão.

O Itaporã Futebol Clube, que recebeu a vaga de presente para jogar o Campeonato Brasileiro da Série D, em meio a correria para montar um time de última hora, já sonha com voos mais altos. Com planos de vencer todos os jogos em casa, o Colorado do interior quer conseguir a classificação inédita para a segunda fase da competição.

A estreia do nosso representante acontece é contra a Anapolina, no domingo, às 16 horas (de MS), no Douradão.

“Nossa meta é a classificação inédita, algo que nenhum clube do Estado conseguiu. Para isso precisamos ganhar todas em casa e conseguir de seis a oito pontos fora”, almeja o diretor de futebol da Soccer Union, Daniel Medeiros.

Lembrando quando se falar de “casa” para o Itaporã, se entende por Dourados, no estádio Douradão, local onde o clube vai mandar seus jogos.

O técnico do time, Denílson Rafaine, ressalta que apesar de inesperada e curta, a participação do clube não será apenas para cumprir tabela. “Sabemos das dificuldades, pois na competição temos times campeões estaduais, como Ituano, Londrina e o Estrela-ES. E não vamos jogar na defensiva. Vamos usar da posse de bola, nem sempre a responsabilidade de atacar é do atacante e defender dos zagueiro”, adianta o Rafaine.

Sobre esquema favorito, Denílson promete variações. “Não temos um esquema favorito, mas pode funcionar conforme o adversário joga. Podemos usar o 4-4-2 e o 5-3-2”, revela.

Parceria - Medeiros, da Soccer Union, revela uma parceria com a prefeitura de Itaporã para ajudar o clube. “Não estão doando nada para gente ou pagando pois as leis eleitorais não permitem. Mas estão dando todo apoio”, comenta.

A direção do clube irá alugar ônibus para levar torcedores a Dourados. “Queremos levar 3,5 mil torcedores da cidade”, deseja Daniel.

Realidade – Mas o clube deverá lutar muito para alcançar seu objetivo na competição, afinal, por enquanto montou um plantel com folha salarial que não passa de R$ 50 mil.

Até o momento estão a disposição do clube os goleiros Roger Paranhos e Wellington, os laterais Wesley e Jô, os zagueiros Jaime, Renan e Gustavo, os volantes Rômulo, Christian, Doriva e Buru, os meias Joel, Uélison Santana e Alex Cruz e os atacantes Tiaguinho e Fágner Lins. Jogadores que se preparam para o Estadual Sub-19 completam o grupo para a competição como o goleiro Diego, lateral Gegê, zagueiro Renan, volante Vágner, meia Rosalem e atacante Borges.

O Itaporã corre contra o tempo para fechar um centroavante, já que o acordo que estava por acontecer com Pablo melou. O técnico Denilson Rafaine revela que um dos jogadores é o atacante Richard Falcão. “É um nome que nos agrada, mas ainda estamos negociando”, ressalta.

Ingressos - O torcedor pode comprar seu ingresso para o jogo na loja de esportes Camisa 10, Restaurante Esquina Carioca e na bilheteria do Estádio Douradão. Os preços, segundo Medeiros, serão os mesmo praticados durante o Campeonato Estadual.

No Brasileiro, o Itaporã está no Grupo A5, junto com a Anapolina, com quem estreia no domingo, às 16 horas (de MS), no Douradão. Também estão no grupo Brasiliense-DF, Villa Nova-MG e Estrela do Norte-ES. Após jogos em turno e returno, os dois primeiros da chave avançam para a segunda fase com confrontos eliminatórios.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions