A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

31/03/2015 14:04

Municípios pequenos e Olimpíadas são foco do Ministério do Esporte

Flávia Lima
Ministro George Hilton quer desenvolver a prática esportiva em cidades de até 50 mil habitantes. (Foto:Marcos Ermínio)Ministro George Hilton quer desenvolver a prática esportiva em cidades de até 50 mil habitantes. (Foto:Marcos Ermínio)

Durante encontro com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), o ministro do Esporte, George Hilton disse que um dos objetivos de sua pasta é promover obras que incentivem a prática esportiva em municípios com até 50 mil habitantes, que geralmente encontram dificuldade em criar uma estrutura onde a população e atletas da cidade possam treinar.

Ele revelou que o Ministério do Esporte está desenvolvendo um projeto de módulos para a construção de uma quadra coberta, um campo de futebol society com grama sintética e uma quadra ao ar livre. A estrutura será destinada a esses municípios com poucos habitantes.

Os primeiros estados contemplado no orçamento de 2015s, segundo o ministro, são os de fronteira, como Mato Grosso do Sul.

Olimpíadas

Ainda segundo George Hilton, com foco nas Olimpíadas de 2016, o Ministério está criando uma Rede Nacional de Treinamento para ser implantada em todas as capitais com o objetivo de incentivar os esportes de base. Como exemplo de ações que irão compor essa rede, está a pista de atletismo que terá sua ordem de serviço assinada esta tarde e que será construída no Parque Ayrton Senna.

A proposta dessas obras é ajudar no preparo de atletas locais que tenham potencial para disputar os jogos olímpicos.

“Campo Grande tem uma importância fundamental para que a Rede Nacional de Treinamento seja importante não só agora durante a preparação dos Jogos Olímpicos, mas estabelecer também o que a gente chama de revolução da prática esportiva do Brasil”, disse.

O governador disse ter ficado satisfeito com o interesse do Ministério dos Esportes em investir no Estado e afirmou que Mato Grosso do Sul conta com atletas aptos a disputar as Olimpíadas, porém Reinaldo destacou também a importância de investir no interior.

“Nós temos que usar o esporte como ferramenta de inclusão e transversalidade dentro dos governos. Sei que nós poderemos construir boas parcerias”, afirmou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions